Fiscalização flagra maus-tratos a animais no Mercado da Produção

Operação teve o intuito de observar se os comerciantes cumpriram orientações feitas em fiscalizações anteriores

Fiscalização flagra maus-tratos a animais no Mercado da Produção

Operação teve o intuito de observar se os comerciantes cumpriram orientações feitas em fiscalizações anteriores

Por Assessoria | Edição do dia 10 de julho de 2021
Categoria: Maceió | Tags: ,,,


Fiscais da Prefeitura de Maceió realizaram, nessa sexta-feira (9), mais uma ação de fiscalização no Mercado da Produção. Desta vez, a Vigilância Sanitária observou se os comerciantes de aves e caprinos haviam cumprido com as determinações feitas em fiscalizações anteriores, que previa a destinação desses animais para ambientes adequados.

Foto: Reprodução

Segundo Airton Santos, coordenador geral de Vigilância Sanitária de Maceió, esse é um trabalho que já vem sendo realizado há quatro meses. “Já fizemos visitas anteriores, notificamos esses comerciantes para que eles se cumpram às normas sanitárias e tratem esses animais de forma adequada, já que muitos se encontravam em ambientes insalubres”, explica.

Entre os problemas apontados estavam a falta de alimentação correta e maus- tratos. “Voltamos aqui para ver se eles tinham cumprido com nossas orientações, e todos eles retiram os animais dos ambientes apertados que estavam, colocaram em locais de pasto. Com isso, além de ajudarmos esses animais, também eliminamos os riscos sanitários”, destaca o coordenador da Visa.

O Mercado da Produção conta com cerca de 3 mil comerciantes e a Vigilância Sanitária vem fazendo um trabalho contínuo de fiscalização e ações educativas. ” Estamos realizando trabalho educativo para que, assim, o atendimento e a qualidade dos produtos melhorem”, concluiu Airton.

Participaram da operação também a Secretaria do Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes) e Secretaria de Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs)

 

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados