Vacinação de trabalhadores de saúde: confira as principais dúvidas sobre esse público

Imunização começou nesta quarta-feira, 17, para pessoas com idade entre 55 e 74 anos, nos seis pontos fixos de Maceió

Vacinação de trabalhadores de saúde: confira as principais dúvidas sobre esse público

Imunização começou nesta quarta-feira, 17, para pessoas com idade entre 55 e 74 anos, nos seis pontos fixos de Maceió

Por Assessoria | Edição do dia 17 de março de 2021
Categoria: Maceió | Tags: ,,,,,,


A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) ampliou nesta quarta-feira (17) a vacinação para trabalhadores de saúde que tenham idades entre 55 a 74 anos. Porém, com a chegada desse público prioritário, algumas dúvidas também surgiram sobre quem já pode se vacinar.

Segundo Fernanda Rodrigues, diretora de Vigilância em Saúde do município, o critério para essa nova etapa de vacinação é a faixa etária dos trabalhadores de saúde, com maior risco de agravamento da doença. “O novo público-alvo foi aberto após a conclusão da vacinação dos trabalhadores considerados de maior prioridade, de acordo com os critérios I, II, III e IV do Plano Estadual de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19”, destaca.

Foto: Carla Cleto

Ainda de acordo com Fernanda Rodrigues, uma dúvida comum é em relação aos trabalhadores de funerárias e estagiários de serviços de saúde. “É preciso reforçar que essas categorias de profissionais também devem estar dentro da faixa etária dos 55 a 74 anos, pois nesse momento o critério maior é a idade, em virtude do quantitativo de doses ainda ser limitado para que todos tenham acesso. Porém, a exceção é se os profissionais estiverem atuando em um dos quatro segmentos elencados no Plano Estadual (veja abaixo); nesse caso, eles serão vacinados em seus locais de trabalho”, reforça a diretora.

A imunização ocorre das 9h às 16h, nos seis pontos fixos espalhados pela cidade: drive-thru do estacionamento do Jaraguá, Maceió Shopping (Mangabeiras), Pátio Shopping (Benedito Bentes), Papódromo (Vergel do Lago), na parte externa do Ginásio Arivaldo Maia (Jacintinho) e drive-thru da sede da Justiça Federal, na Serraria.

Confira mais detalhes sobre a vacinação.

O que diz o Plano Estadual de Vacinação sobre esses critérios?

Os quatro critérios para a estratificação desses profissionais de saúde que o Plano Estadual aponta são: 1) Hospitais exclusivos para a Covid-19 (Regional do Norte, Mulher e Metropolitano) e Hospitais porta de entrada de Emergência e Infectologia (HGE, HEDH e HEHA); 2) Outras portas de entrada de Urgência/Emergência (Regional da Mata, UPA e SAMU), Unidades Covid-19 (Centros de Triagem, Unidades de Síndrome Gripal) em Maceió, Arapiraca e Campo Alegre, Unidades Covid-19 (Centro de Triagem SESI e Centro de Triagem Arapiraca) e setores Covid-19 dos demais hospitais.

3) Hospitais em geral nos demais setores; 4) Rede de Frios (Estadual, Maceió e Arapiraca); CIEVS (Estadual e Maceió), LACEN (Setores de coleta, triagem e biologia molecular e Unidades Covid-19 (Centros de Triagem, Unidades de Síndrome Gripal) nos demais municípios.

Quem é contemplado nessa fase da vacinação?

Os trabalhadores de saúde contemplados nessa fase são todos aqueles que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência e vigilância à saúde, sejam hospitais, clínicas, ambulatórios e laboratórios, dentre outros.

Dentro desse grupo estão tanto os profissionais de saúde quanto seus respectivos técnicos e auxiliares, a exemplo de médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontólogos, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, profissionais da educação física e médicos veterinários.

Também devem ser contemplados os trabalhadores de apoio dos serviços de saúde, tais como recepcionistas, seguranças, trabalhadores da limpeza, cozinheiros, auxiliares e motoristas de ambulância, dentre outros.

Quem não será contemplado nessa fase da vacinação?

Segundo critérios estabelecidos pela Sesau e que devem ser seguidos pelos municípios, trabalhadores de serviços de interesse à saúde, tais como academias de ginástica, clubes, salões de beleza, clínicas de estética, óticas, estúdios de tatuagem e estabelecimentos de saúde animal não serão contemplados no grupo prioritário de trabalhadores da saúde.

Também não estão contemplados entre os trabalhadores da saúde, os trabalhadores de limpeza pública ou de empresa privada de coleta de resíduos de serviços de saúde, além dos trabalhadores do comércio e indústria de materiais e equipamentos médico-hospitalares, laboratoriais e congêneres.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados