Vacinação contra polio e atualização vacinal começam na próxima segunda-feira

Imunização segue até 30 de outubro nas unidades básicas de saúde da Capital

Por Assessoria | Edição do dia 2 de outubro de 2020
| Tags: ,


Com o objetivo de imunizar crianças e adolescentes, a Secretaria Municipal de Saúde iniciam a Campanha Nacional de Vacinação contra a poliomielite e a Multivacinação para atualização da Caderneta Vacinal da criança e do adolescente, na próxima segunda-feira (5), nas Unidades Básicas de Saúde, que funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

A campanha segue até o dia 30 de outubro e  visa vacinar todas as crianças de um a 04 anos e atualizar a vacinação das crianças menores de um ano contra a poliomielite, reduzindo o risco de reintrodução do poliovírus selvagem no País.

Além disso, a campanha também promoverá  uma multivacinação, ofertando as vacinas do Calendário Básico de Vacinação para atualização da situação da caderneta de crianças e adolescentes menores de 15 anos para diminuir o risco de transmissão de enfermidades imunopreveníveis, assim como reduzir as taxas de abandono do esquema vacinal.

De acordo com Eunice Amorim, gerente de Imunização da SMS, o objetivo é vacinar 95% das crianças de 01 a 04 anos contra a poliomielite, além da atualização vacinal de usuários de até 15 anos. “Nas unidades de saúde estarão disponíveis todas as vacinas do Calendário Básico de Vacinação das crianças e adolescentesexceto BCG que continuarão a ser disponibilizadas nas unidades referenciadas com os dias preestabelecidos”, explicou.

Em caso de sintomas respiratórios ou febre, as pessoas não devem buscar a vacinação, precisando respeitar o período de 14 dias de isolamento e, após isso, estarem há pelo menos três dias sem sintomas para se vacinarem. Confira as unidades de saúde.

Confira também as unidades de referência para vacinação da BCG.
*Exceto a USF José Guedes de Farias, que está em reforma.

Vacinação contra o sarampo

Segue ainda até o dia 30 de outubro, nas unidades de saúde, a campanha de vacinação dos usuários de 20 a 49 anos contra o sarampo. A imunização acontece pela tríplice viral, que previne ainda contra o surgimento da Caxumba e Rubéola.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados