UPAs de Maceió vão atender pacientes com sintomas de infarto

UPAs de Maceió vão atender pacientes com sintomas de infarto

Por | Edição do dia 19 de agosto de 2016
Categoria: Notícias, Saúde | Tags: ,,,,


Os usuários das duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Maceió irão contar, a partir deste fim de semana, com um serviço para diagnóstico do infarto agudo do miocárdio. O novo programa será executado pela equipe de cardiologia do Hospital do Coração de Alagoas (HCOR/AL).

Com isso, ao sentir uma dor no peito e chegar às UPAs do Benedito Bentes ou do Trapiche da Barra, o paciente será submetido a um eletrocardiograma, em qual será atestado se ele está infartando ou correr risco de infartar. De forma ágil e eficiente, o exame será remetido instantaneamente, via internet, para a Central Cardiológica que irá funcionar 24 horas no HCOR/AL.

Imediatamente, segundo o cardiologista Ricardo César Cavalcanti, um dos profissionais da Central de Cardiologia do HCOR/AL irá realizar a leitura do eletrocardiograma. Em seguida, ele irá apresentar um diagnóstico para o paciente, orientando qual a conduta assistencial e terapêutica deverá ser seguida pelos técnicos que estão prestando assistência em uma das duas UPAs.

“Com isso, será possível saber se o paciente vai necessitar receber um trombolítico, medicamento utilizado para dissolver trombos sanguíneos na artéria do coração, que impede o sangue de transportar oxigênio, causando o infarto. Também será verificado se o usuário deve passar por uma angioplastia primária no coração, o que deve acontecer no HGE [Hospital Geral do Estado]”, explicou Ricardo César Cavalcanti.

Caso o paciente tenha que ser submetido a uma angioplastia primária, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) será acionado para encaminhar o paciente até o HGE. Na unidade, uma equipe multidisciplinar, composta por cardiologistas, irá realizar o procedimento, salvando a vida do paciente e reduzindo consideravelmente os riscos de sequelas, segundo informou o cardiologista do HCOR/AL.

Pioneirismo

Acompanhada da secretária Executiva de Ações de Saúde, Rosimeire Rodrigues, a titular da pasta da saúde estadual, Rozangela Wyszomirska, destacou o pioneirismo da ação, que visa atender a vítimas de infarto agudo do miocárdio. “Esta ação comprova o compromisso do Governo do Estado com a saúde pública, gratuita e de qualidade. Estamos assegurando um serviço eficiente e qualificado para os usuários do SUS [Serviço Único de Saúde], que até então era restrito para os 10% dos alagoanos com planos de saúde”, enfatizou.

Wyszomirska lembrou que o Serviço de Telemedicina foi lançado em abril deste ano pelo Governo do Estado e já está disponível nas UPAs de Delmiro Gouveia e São Miguel dos Campos. “Uma nova Alagoas se faz com ações pioneiras e eficazes. Após implantarmos o serviço nas Unidades de Pronto Atendimento de Maceió, iremos levá-lo até a UPA de Maragogi, assegurando uma assistência ágil àqueles que tenham sofrido ou estejam próximos de enfartar”, completou.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados