Uneal e Cesmac lançam obra do pesquisador Zezito Araújo

Por Assessoria | Edição do dia 17 de novembro de 2020
Categoria: Cultura | Tags: ,


Foto: Divulgação

A Editora da Universidade Estadual de Alagoas (EdUneal) e a Editora do Cesmac realizam o lançamento do livro “Quilombo dos Palmares: Negociações e Conflitos” de autoria do pesquisador Zezito Araújo, no dia 18 de novembro, às 19h, on-line, através do link: encurtador.com.br/kyBQU.

Zezito Araújo destaca que este ano são celebrados os 40 anos da retomada da Serra da Barriga pelo Movimento Negro brasileiro. “Em agosto de 1980, aqui em Alagoas, ativistas do movimento negro e representantes de instituições públicas, municipal, estadual e federal, criaram o Conselho Geral do Memorial Zumbi, com o objetivo de recontar a História do Quilombo dos Palmares, a partir da História da população negra na diáspora. Esse objetivo se concretizou com o tombamento da Serra da Barriga em 1985”, leciona.

Na obra “Quilombo dos Palmares: Negociações e Conflitos”, o autor “retoma a História do Quilombo dos Palmares, mostrando a importância da sociedade palmarina para a compreensão da formação da sociedade brasileira. De forma didática, ressalto aspectos importantes, negados ou negligenciados pela história oficial, para possibilitar aos leitores analisar a história palmarina sob nova ótica. Destaco as negociações entre quilombolas e senhores de engenho, o acordo de paz assinado realizado entre Ganga Zumba e a Coroa portuguesa; a luta pela posso das terras quilombolas, que foi a razão principal para a destruição da sociedade palmarina”, resume.

Mais informações pelo e-mail extensao@cesmac.edu.br ou pelo telefone 82 3215.5094.

Sobre o autor

Zezito de Araújo é professor universitário. Mestre pela Universidade Federal de Alagoas em História do Brasil – Comunidade Remanescente de Quilombo. Criou e organizou o Núcleo de Estudos Afro-brasileiros da Universidade Federal de Alagoas com o historiador Décio Freitas em 1981, tendo coordenado o grupo por 18 anos. É autor de diversos trabalhos em torno da história e da cultura afro-descendente. Por sua relevante trajetória em defesa da preservação da memória quilombola, foi condecorado com a Ordem do Mérito dos Palmares (Governo do Estado de Alagoas); com Comenda do Mérito Educativo Alagoano (Conselho Estadual de Educação); e com a Comenda Zumbi dos Palmares (Câmara dos Vereadores de Maceió).

Baixe AQUI o resumo do currículo do autor.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados