Uneal celebra 50 anos de atuação com programação on-line

Instituição teve início em 1970, em Arapiraca

Por Assessoria | Edição do dia 12 de outubro de 2020
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags:


A Universidade Estadual de Alagoas, a primeira instituição de ensino superior do interior do Estado, celebra, este mês, 50 anos de existência. Fundada em 13 de outubro de 1970, a então Fundação Educacional do Agreste (Funec) nasceu em Arapiraca e percorreu um longo caminho para se consolidar como referência na formação de docentes e profissionais liberais ao longo das últimas décadas.

O processo envolveu diversas lutas capitaneadas por professores, técnico-administrativos e estudantes de diferentes gerações. A Funec, entidade mantenedora da Faculdade de Formação de Professores de Arapiraca (FFPA), apesar de ligada ao poder público municipal, somente em 1990, foi transformada, pelo Governo do Estado, em pessoa jurídica de direito público. Em 1995, a Funec passa a ser Fundação Universidade Estadual de Alagoas (FUNESA). Finalmente em 2006, torna-se Universidade Estadual de Alagoas (UNEAL).

“A Uneal passou por muito obstáculos e dificuldades. Contudo, o que temos de mais nobre é a força e a resistência de sua comunidade para erguer uma instituição forte e comprometida com os anseios populares. Aos longos dos seus 50 anos, a Uneal vem formando diversos profissionais, das mais variadas áreas, colaborando para o desenvolvimento regional e cultural do povo alagoano”, analisou o reitor Odilon Máximo de Morais

Atualmente, a instituição possui unidades nas cidades de Arapiraca (Campus I), onde também está sediada a Reitoria; Santana do Ipanema (Campus II); Palmeira dos Índios (Campus III), São Miguel dos Campos (Campus IV), União dos Palmares (Campus V) e Maceió (Campus VI).

A Uneal conta com 38 cursos de graduação, cerca de oito mil estudantes e um programa de mestrado Stricto Sensu, além de cursos de especialização.

Os cursos de graduação tradicionais ofertados são administração de empresas, ciências contábeis, direito, pedagogia, letras, geografia, história, química, matemática, ciências biológicas, zootecnia, administração pública e física. O ingresso nos cursos de graduação é feito, desde 2016, através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

A instituição conta ainda com dois museus dedicados à arte e a cultura alagoanas: o Espaço de Memória Artesã Irinéia Rosa Nunes da Silva, com acervo formado por artefatos dos artistas da Comunidade Remanescente de Quilombo Muquém, em União dos Palmares, e o espaço de Memória Artesão Fernando Rodrigues dos Santos, na Ilha do Ferro, povoado de Pão de Açúcar-AL que reúne obras de artistas populares da região, entre escultoras, rendas, e confecção de bonecas de pano.

A instituição possui uma editora própria, a Editora da Universidade Estadual de Alagoas (EdUneal), responsável pela editoração de obras produzidas por membros da comunidade acadêmica e ainda por pesquisadores convidados cuja produção intelectual refere-se à realidade na qual a instituição está inserida.

Programação comemorativa
Para celebrar estas primeiras cinco décadas de história, a Uneal realiza, nos dias 13, 14 e 15 de outubro, uma programação especial on-line, através do canal oficial da Uneal no Youtube (https://www.youtube.com/channel/UCR0nvpBgSA7QnLpNiyHSUbg).

No dia 13, acontecerá uma solenidade de abertura, com autoridades e convidados. No dia 14, haverá uma mesa-redonda com o tema “Impacto da Uneal na educação alagoana”, com representantes dos programas Curso de Licenciatura Indígena (CLIND), Programa de Graduação de Professores e Programa Especial para Formação de Servidores Públicos (Proesp), Programa de Pós-Graduação em Dinâmicas Territoriais e Cultura (PRODIC) e Projeto 3ª Idade na Universidade.

Por fim no dia 15 de outubro, será debatido o tema “EdUneal e diversificação do mercado editorial em AL”, com representantes da Eduneal, Edufal e Imprensa Oficial Graciliano Ramos.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados