TSE divulga limite de gastos para campanha eleitoral

Em Maceió, somados 1º e 2º turnos, um candidato a prefeito poderá gastar até R$ 7,7 milhões e um vereador R$ 251 mil

Por Assessoria | Edição do dia 3 de setembro de 2020
Categoria: Notícias, Regionais


Foto: TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou o limite de gastos que os candidatos aos cargos de prefeito e vereador deverão respeitar nas eleições deste ano. Em caso de descumprimento dos limites fixados, a campanha pode ser condenada ao pagamento de multa de 100% e a responder por abuso do poder econômico nas eleições.

Dentre todos os municípios de Alagoas, apenas Maceió possui previsão de disputa em segundo turno. Neste ano, por exemplo, um candidato a prefeito na Capital poderá gastar até R$ 5,1 milhões no primeiro turno e pouco mais de 2 milhões no segundo. O teto para a campanha de um vereador está limitada em cerca de R$ 250 mil.

O limite de gastos foi atualizado em 13.9% para o pleito deste ano, se comparada com a municipal anterior. Para conferir a tabela completa, basta clicar aqui.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados