Recentemente, Tierry deu o que falar após dar um beijo na boca da dançarina Carla Bruno em apresentação da música “Ela Só Pensa em Beijar”, no “Dança dos Famosos” do “Domingão com Huck”, da TV Globo. Após o acontecimento, o cantor e a bailarina receberam o apoio do público para engatarem um romance.

Em entrevista ao Jornal Extra, Tierry, que namorou por um ano com a cantora Gabi Martins, revelou que possui traumas por causa de relacionamentos antigos e negou ter affair com Carla. “Nós somos amigos. E essa torcida, os shipps, isso tudo é normal. Só não gosto quando tornam tóxica essa torcida, ficam naquela de ‘encontro de almas’. Tenho trauma. Eu estou solteiro agora, não estou pronto para me envolver sentimentalmente com ninguém”, desabafou o cantor.

TÉRMINO DO NAMORO COM GABI MARTINS

Gabi Martins e Tierry colocaram um ponto final no relacionamento. De acordo com o colunista Leo Dias, do jornal Metrópoles, amigos avisaram que não houve traição, mas também preferiram não dar maiores detalhes.

Os cantores assumiram a relação em janeiro de 2021 durante uma viagem, porém já estavam juntos há alguns meses. Não demorou muito para que fossem morar sob o mesmo teto e até conversaram sobre casamento e filhos.

Contudo, segundo a colunista Fábia Oliveira, do EM Off, os pombinhos acabaram a relação por um possível ciúme da ex-BBB em relação ao filho do sertanejo, o pequeno Adriel, de seis anos, que recentemente passou por uma cirurgia de reparo, após amputar um pé. A jornalista também pontuou um certo desgaste na união há um certo tempo. Tierry estaria infeliz por ver seu nome envolvido em polêmicas por conta da família da ex-sister.

Além disso, uma viagem à Disney seria um outro fator para os atritos do namoro. Gabi queria visitar o local com o amado, mas ele gostaria de incluir o herdeiro nos dias de férias, o que não agradou a mineira, que acabou desistindo da viagem.

Assim como Kanye West, Travis Scott também não vai mais participar do festival de Coachella, segundo confirmou o site americano TMZ. Sobre Kanye, desde que ele reclamou de Billie Eilish por suposta referência ao show de Scott no festival Astroworld, que culminou na morte de 10 pessoas, o rapper avisou que se a cantora não se desculpasse com o cantor, ele não participaria da programação do festival.

E pelo visto, Kanye foi coerente com suas palavras e realmente não vai participar. “Ele nem se quer ensaiou”, revela uma fonte da revista Variety.

Coachella e Ye – como agora quer ser chamado – ainda não comentaram as notícias.

Cabe recordar também que desde o começo do ano existe uma lista de ‘abaixo-assinado’ exigindo a retirada de West do festival. A petição que continua em andamento tem mais de 46 mil assinaturas, segundo a publicação.

E devido ao seu comportamento online, com as ameaças e críticas que fez a Kim Kardashian e Pete Davidson, o cantor teve sua apresentação no Grammy 2022 cancelada, portanto, não se sabe ainda se foi decisão do festival cancelar a participação de Kanye ou se realmente ele que não quis fazer parte do evento.

O rapper, que se encontrou com sua ex-mulher durante um jogo do filho Saint semana passada, afirmou à Kim que estava buscando ajuda [ele sofre de transtorno bipolar].

Já Travis Scott também não fez ainda nenhum comentário. E enquanto isso, o rapper foi visto com a namorada Kylie Jenner na Disney. Foi a primeira saída de Kylie e Travis com a filha Stormi, após o nascimento do segundo filho.

A TRETA COM BILLIE EILISH

Recentemente, em um show em Atlanta, Estados Unidos, Billie percebeu que um fã, na plateia, estava com dificuldades para respirar. Então, parou a performance e só continuou quando o fã recebeu um inalador. Mas, em certo momento, Billie falou para o público: “Eu espero até que todos estejam bem para continuar o show.”

Logo, algumas pessoas interpretaram esta fala como uma indireta para Travis e a forma com a qual ele lidou com sua performance no “Festival Astroworld” (2021). Houve um movimento em massa das pessoas e várias acabaram caindo e sendo pisoteadas. Mesmo assim, Scoot seguiu com o show por aproximadamente 37 minutos. No total, 10 pessoas morreram no festival.

A partir dessa suposição ter viralizado, Kanye pediu, por meio de um post no Instagram já deletado, para que a jovem se desculpasse com o seu amigo: “Vai, Billie, nós te amamos, por favor, peça desculpas a Trav e às famílias das pessoas que perderam suas vidas”, começou.

“Ninguém quis que isso acontecesse e Trav não sabia o que tinha acontecido quando ele estava no palco e ficou muito triste com o que aconteceu”. Ye, então, disse que Travis se juntaria a ele no palco do Coachella, apesar do fato de o também rapper ter sido retirado da programação do festival após a tragédia.

“Sim, Trav estará comigo no Coachella, mas agora eu preciso que Billie se desculpe antes de me apresentar”, concluiu no post.

REACIONÁRIO
JURÍDICO (TERMO)
Contrário, hostil à democracia; antidemocrático

A mais recente polêmica envolvendo o maior influenciador digital brasileiro gira em torno de um setor cultural profundamente vinculado à ideologia reacionária. Estamos falando dos cantores sertanejos.

“Quero parabenizar a todos os artistas que usam seu espaço de maneira consciente. A todos cantores que andam na contramão disso tudo, perdendo campanhas publicitárias, perdendo dinheiro”, começou Felipe. “Agora, quantos estão em silêncio? Cadê os artistas sertanejos? Estão fazendo o quê? Tem gente morrendo e a única preocupação é ‘livezinha’ enchendo a cara”.

Eles são imensamente ricos. Possuem propriedades rurais e, apesar de morarem em centros urbanos, mantém costumes e falas geralmente vinculadas ao meio rural. Estou falando dos cantores sertanejos. Muitos são provenientes de núcleos familiares pobres, galgaram o sucesso praticamente com as próprias forças e representam o brasileiro médio. Desde a eleição do presidente Jair Bolsonaro eles passaram a representar um dos setores de apoio do bolsonarismo, sempre defendendo bandeiras da ultradireita e fortalecendo o conceito bolsonarista de que não tem que ter isolamento social para combater a pandemia. Pela maioria dos sertanejos, não haveria isolamento social no Brasil, sendo liberado shows e outras aglomerações, independente do caráter mortal do vírus da Covid-19.

O outro é um influenciador digital, proveniente de classe média. Um fenômeno das redes sociais, especialmente o Youtube, onde conseguiu ser alçado ao mais influente nesse tipo de plataforma. Felipe Neto também tem forte atuação no twitter, de onde de uns tempos para cá vem usando o meio para difundir ideias políticas, notadamente consideradas progressistas ou de esquerda.

Durante uma live com diversos advogados progressistas no grupo chamado 'Prerrogativas', Felipe teceu um comentário sobre os cantores sertanejos, criticando o fato deles não falarem nada a respeito da pandemia, muito menos do presidente Jair Bolsonaro. Felipe também criticou o fato de milhares de pessoas estarem morrendo no Brasil, enquanto este nicho musical se esbalda em festas ao vivo, muitas transmitidas pelas redes sociais, com o consumo excessivo de bebidas e desrespeitando o distanciamento social.

Diante dos comentários de Felipe, o chamado 'mundo sertanejo' veio a público, através do filho do cantor Leonardo, conhecido como Zé Felipe, onde tece comentários desabonadores contra Felipe Neto, numa tentativa de defender o modo sertanejo de negar a pandemia mundial.

Fica claro nas declarações de outros nomes do sertanejo desdenham de Felipe, não comentam suas críticas e partem para agressões pessoais, chamando o influenciador digital de 'moleque' e 'menino de condomínio'.

Felipe Neto agora amarga uma espécie de cancelamento oficial dos sertanejos, que têm nele um 'inimigo da classe'. Note-se que todos eles, de Zezé Di Camargo a Gustavo Lima, são profundos apoiadores do presidente Bolsonaro, usando Felipe Neto para atacar o que consideram 'pensamento esquerdista' de preservação da vida, utilizando isolamento social, máscaras faciais, vacinas e outros meios cientificamente comprovados de contenção da pandemia.

Ao escancarar a atuação de muitos dos sertanejos durante a pandemia, festejando sabe-se lá o que diante de milhares de mortos, Felipe Neto foi direto na ferida da hipocrisia geral e irrestrita que move esse setor cultural, que em linhas gerais, não tem tido uma atuação louvável para ajudar a dar visibilidade às medidas sanitárias capazes de diminuir a contaminação e tirar o Brasil do ranking mundial de grande fomentador do vírus.

Deixo aqui minha total solidariedade a Felipe Neto. Ele mexeu com uma categoria poderosa de influenciadores sociais. Felipe vai sofrer por mais essa posição pública, mas foi por uma boa causa.

 

Billie Eilish leva quatro principais estatuetas da premiação. (Foto: FREDERIC J. BROWN / AFP)

Billie Eilish leva quatro principais estatuetas da premiação. (Foto: FREDERIC J. BROWN / AFP)

E no último domingo (26), aconteceu a 62º edição do Grammy Awards 2020, e teve como apresentadora a cantora Alicia Keys. A premiação elege o melhor da música atual, e destacou novos talentos como os cantores Lizzo e Lin Nas X. A sensação do momento, Billie Eilish, foi a cantora mais jovem a conquistar a categoria de álbum do ano, e levou para casa quatro principais estatuetas: álbum, música, gravação do ano e artista revelação.

A cantora latina Rosalía ganhou a estatueta de Melhor Álbum latino de rock, urbano ou alternativo, por seu aclamado “El Mal Querer. Essa conquista fez com que Rosalía se tornasse uma das cantoras latino-americanas a levarem o troféu, o que é difícil em uma premiação estadunidense.

Lizzo, uma revelação do R&B, Pop e Soul de 2019, ganhou o troféu de melhor performance pop solo, melhor performance de R&B tradicional e melhor álbum contemporâneo urbano. Além da cantora, Lin Nas X levou o prêmio de melhor performance de pop em grupo ou duo, junto ao pai da Miley Cyrus e cantor, Billy Ray Cyrus.

 

Confira abaixo a lista dos vencedores:

 

Álbum do ano

When We All Fall Asleep Where Do We Go — Billie Eilish – VENCEDORA
I,I — Bon Iver
Norman F***ing Rockwell — Lana Del Rey
Thank U, Next — Ariana Grande
I Used to Know Her — H.E.R.
7 — Lil Nas X
Cuz I Love You — Lizzo
Father of the Bride — Vampire Weekend

Gravação do ano

Bad Guy — Billie Eilish – VENCEDORA
Hey, Ma — Bon Iver
7 Rings — Ariana Grande
Hard Place — H.E.R.
Talk — Khalid
Old Town Road — Lil Nas X e Billy Ray Cyrus
Truth Hurts — Lizzo
Sunflower — Post Malone e Swae Lee

Música do ano

Bad Guy — Billie Eilish O’Connell e Finneas O’Connell – VENCEDORA
Always Remember Us This Way — Natalie Hemby, Lady Gaga, Hillary Lindsey e Lori McKenna
Bring My Flowers Now — Brandi Carlile, Phil Hanseroth, Tim Hanseroth e Tanya Tucker
Hard Place — Ruby Amanfu, Sam Ashworth, D. Arcelious Harris, H.E.R. e Rodney Jerkins
Lover — Taylor Swift
Norman F***ing Rockwell — Jack Antonoff e Lana Del Rey
Someone You Loved — Tom Barnes, Lewis Capaldi, Pete Kelleher, Benjamin Kohn e Sam Roman
Truth Hurts — Steven Cheung, Eric Frederic, Melissa Jefferson e Jesse Saint John

Artista revelação

Billie Eilish – VENCEDORA
Black Pumas
Lil Nas X
Lizzo
Maggie Rogers
Rosalía
Tank and the Bangas
Yola

Melhor performance pop solo

Truth Hurts — Lizzo – VENCEDORA
Spirit
 — Beyoncé
Bad Guy — Billie Eilish
7 Rings — Ariana Grande
You Need To Calm Down — Taylor Swift

Melhor performance de rap/sung

Higher — DJ Khaled feat Nipsey Hussle & John Legend -VENCEDORA
Drip Too Hard — Lil Baby & Gunna
Panini — Lil Nas X
Ballin — Mustard Featuring Roddy Ricch
The London — Young Thug Featuring J. Cole & Travis Scott

Melhor Performance de R&B

Come Home — Anderson .Paak feat André 3000 – VENCEDOR
Love Again — Daniel Caesar & Brandy
Could’ve Been — H.E.R. feat Bryson Tiller
Exactly How I Feel — Lizzo feat Gucci Mane
Roll Some Mo — Lucky Daye

Melhor Performance de Duo/Grupo Country

Speechless— Dan + Shay – VENCEDORES
Brand New Man — Brooks & Dunn e Luke Combs
I Don’t Remember Me (Before You) — Brothers Osborne
The Daughters — Little Big Town
Common — Maren Morris e Brandi Carlile

Melhor Performance de R&B tradicional

Jerome — Lizzo – VENCEDORA
Time Today — BJ The Chicago Kid
Steady Love — India.Arie
Real Games — Lucky Daye
Built For Love — PJ Morton e Jazmine Sullivan

Melhor performance de metal

7empest — Tool – VENCEDOR
Astorolus – The Great Octopus — Candlemass Featuring Tony Iommi
Humanicide — Death Angel
Bow Down — I Prevail
Unleashed — Killswitch Engage

Melhor álbum vocal de pop

When We All Fall Asleep, Where Do We Go — Billie Eilish – VENCEDOR
The Lion King: The Gift
 — Beyoncé
Thank U, Next — Ariana Grande
No. 6 Collaborations Project — Ed Sheeran
Lover — Taylor Swift

Melhor performance de pop em grupo ou duo

Old Town Road — Lil Nas X e Billy Ray Cyrus – VENCEDOR
Boyfriend
 — Ariana Grande e Social House
Sucker — Jonas Brothers
Señorita — Shawn Mendes e Camila Cabello

Melhor música de rock

This Land — Gary Clark Jr. – VENCEDOR
Fear Inoculum — Tool
Give Yourself a Try —The 1975
Harmony Hall —  Vampire Weekend
History Repeats — Brittany Howard

Melhor Performance de Rock

This Land —  Gary Clark Jr. – VENCEDOR
Pretty Waste — Bones UK
History Repeats — Brittany Howard
Woman — Karen O & Danger Mouse
Too Bad — Rival Sons

Melhor álbum de R&B

Venture — Anderson .Paak – VENCEDOR
1123 — BJ The Chicago Kid
Painted — Lucky Daye
Ella Mai — Ella Mai
Paul — PJ Morton

Melhor Álbum de rap

Igor — Tyler, The Creator -VENCEDOR
Revenge Of The Dreamers III — Dreamville
Championships — Meek Mill
I Am > I Was — 21 Savage
The Lost Boy — YBN Cordae

Melhor álbum vocal de pop tradicional

Look Now — Elvis Costello & The Imposters – VENCEDOR
Sì — Andrea Bocelli
Love — Michael Bublé
A Legendary Christmas — John Legend
Walls — Barbra Streisand

Melhor álbum de country

While I’m Livin’ — Tanya Tucker – VENCEDOR
Desperate Man
 — Eric Church
Stronger Than The Truth — Reba McEntire
Interstate Gospel — Pistol Annies
Center Point Road — Thomas Rhett

Melhor álbum de rock

Social Cues — Cage The Elephant – VENCEDOR
In The End — The Cranberries
Trauma — I Prevail
Feral Roots — Rival Sons
Amo — Bring Me The Horizon

Melhor álbum de rock, música urbana e alternativa latina

Cantora Rosalía ganha troféu de Melhor álbum latino de rock, urbano ou alternativo. (Foto: reprodução/internet)

Cantora Rosalía ganha troféu de Melhor álbum latino de rock, urbano ou alternativo. (Foto: reprodução/internet)

Rosalia — El Mal Querer – VENCEDOR
Bad Bunny — X 100PRE
J Balvin & Bad Bunny — Oasis
Flor de Toloache  — Indestrutible
iLe — Almadura

Melhor álbum de música alternativa

Father Of The Bride — Vampire Weekend – VENCEDOR
U.F.O.F. — Big Thief
Assume Form — James Blake
I,I — Bon Iver
Anima — Thom Yorke

Melhor álbum contemporâneo urbano

Lizzo foi a cantora que levou para casa três estatuetas. (Foto: Alberto E. Rodriguez/Getty Images)

Lizzo foi a cantora que levou para casa três estatuetas. (Foto: Alberto E. Rodriguez/Getty Image

Cuz I Love You — Lizzo – VENCEDOR
Apollo XXI — Steve Lacy
Overload — Georgia Anne Muldrow
Saturn — NAO
Being Human In Public — Jessie Reyez

O DIA MAIS

/ Notícias em qualquer lugar.
No O Dia Mais, você encontra as últimas notícias de Alagoas 

e do mundo, tudo sobre o seu time e muitos outros conteúdos .

GRUPO /JORNAL O DIA

© 2000 - 2022
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram