Suspeitos de tentarem matar pré-candidata e companheiro são mortos em troca de tiros com a polícia

Militares do BOPE participaram da ação

Suspeitos de tentarem matar pré-candidata e companheiro são mortos em troca de tiros com a polícia

Militares do BOPE participaram da ação

Por Redação | Edição do dia 5 de agosto de 2022
Categoria: Alagoas, Polícia, Ultimas Notícias | Tags: ,,,


Dois homens suspeitos de tentarem matar a pré-candidata a deputada federal por Alagoas, Lérida Lobo Gomes Vitorino, foram mortos em uma troca de tiros com policiais militares nesta sexta-feira (05). O atentado ocorreu na noite desta última quinta-feira (04), e vitimou fatalmente o companheiro de Lérida, José Adilson da Silva, de 24 anos.

De acordo com a polícia, Lérida e José Adilson foram alvejados próximos a uma ONG no município de Paulo Jacinto. Ainda de acordo com a polícia, os suspeitos foram localizados poucas horas depois de terem cometido o atentado contra o casal.

Segundo as informações, a polícia conseguiu localizar o carro dos suspeitos com a locadora de veículos que forneceu o carro a dupla. De acordo com a polícia, o proprietário da empresa forneceu o endereço dos suspeitos que alugaram o veículo.

Quando os policiais chegaram no local, os suspeitos não se entregaram, onde deu-se início a uma troca de tiros, que resultou com a dupla morta. Equipes do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) participaram da ação.

Segundo a assessoria do Hospital Geral do Estado (HGE), Lérida Lobo está em estado estável.

De acordo com o delegado Thales Araújo, o crime não ocorreu por motivação política, mas por uma rixa contra o companheiro da pré-candidata.

Segundo o delegado, três suspeitos que participaram da ação são irmãos e se vingaram de Thales por um suposto envolvimento no homicídio do pai dos suspeitos.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados