Suspeitos de crime são presos enquanto se aglomeravam em festa ilegal no Pilar

Entre os presos está um jovem de 25 anos, que responde por um homicídio praticado no mês de maio

Por Assessoria G1 | Edição do dia 15 de agosto de 2020
Categoria: Notícias, Regionais


Quatro suspeitos de crimes foram presos, na madrugada deste sábado (15), durante uma operação policial, enquanto participavam de uma festa dentro de uma chácara, localizada no município do Pilar, na Região Metropolitana da capital.

Entre os presos está um jovem de 25 anos, que responde por um homicídio praticado no mês de maio.

A polícia chegou até o local após uma denúncia anônima de que alguns criminosos estavam usando a chácara para fazer uma festa, o que está proibido no período da pandemia. No local, foram apreendidas duas armas, uma moto roubada e um foragido da Justiça.

“O jovem de 25 anos teve a prisão decretada na semana passada após ser indiciado em inquérito que apurou o assassinato do jovem Jorge Luís da Silva, de 20 anos, ocorrida em maio. Ele foi morto a facadas. Seguimos em busca de um segundo envolvido no crime”, ressaltou o delegado do Pilar, Sidney Tenório.

Ele destacou o apoio do Bope na operação, já que a denúncia era de que a festa contava com integrantes de facções criminosas, o que ainda será apurado na continuidade das investigações.

“Essa integração entre Polícia Judiciária, Polícia Militar, Ministério Público e Poder Judiciário está rendendo ótimos frutos no Pilar. Não há espaço para impunidade na cidade”, frisou o delegado.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados