Suspeito de matar adolescente a machadadas e divulgar vídeo nas redes sociais é preso

Crime aconteceu em Ouro Preto no mês de janeiro deste ano e a motivação seria dívidas de drogas

Suspeito de matar adolescente a machadadas e divulgar vídeo nas redes sociais é preso

Crime aconteceu em Ouro Preto no mês de janeiro deste ano e a motivação seria dívidas de drogas

Por Thatyana Ferreira - estagiária sob supervisão | Edição do dia 10 de março de 2021
Categoria: Maceió, Polícia | Tags: ,


Foto: Ascom/SSP

Um dos acusados do assassinato de João Gabriel Olímpio Silva Pinheiro, de 17 anos, no mês de janeiro deste ano, foi preso nesta terça-feira (9), em Ouro Preto, mesmo bairro em que o crime ocorreu. A polícia acredita que o suspeito lidera o grupo responsável pela morte do adolescente.

A motivação do homicídio teria sido uma dívida de drogas de João Gabriel. Sem chances de quitar a dívida ou de defesa, a vítima foi amarrada e assassinada a machadadas, tendo o rosto e o crânio desfigurados. Depois de cometer o crime escreveram o nome de um desafeto do grupo criminoso nas costas de João, com seu próprio sangue, o que serviria como um alerta. Toda a ação foi gravada pelos criminosos e divulgada em suas redes sociais.

O acusado foi localizado por uma equipe de Policiais Civis, que integra a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), sob o comando do delegado Fábio Costa. A guarnição do DHPP ainda contou com a ajuda de agentes do Tático Integrado de Grupos de Resgates Especiais (Tigre). O juiz Geraldo Amorim, da 9° vara criminal do Tribunal do Júri de Maceió, foi quem decretou a prisão.

Além do suspeito, sua companheira, que estava no local durante a prisão, também foi presa após confessar que traficava drogas na região. Ela estava com celulares, dinheiro e uma quantidade não identificada de entorpecentes. Todos os materiais foram apreendidos.

Entenda o caso

O assassinato de João Gabriel foi registrado em uma área de mata fechada, localizada em Ouro Preto. Ele passou a noite amarrado no local, sendo morto a machadadas no dia seguinte. As imagens do crime foram amplamente divulgadas pelos criminosos nas redes sociais. 

De acordo com a família da vítima João era usuário de drogas o que levou o delegado Fábio Costa a acreditar que a principal motivação para o assassinato do adolescente tenha sido uma dívida com os traficantes da região.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados