Sistema de esgotamento sanitário beneficiará mais de 120 mil pessoas em Maceió

Secretária de Infraestrutura, Maria Gevan Gomes, representou o governador Paulo Dantas na inauguração da Estação de Tratamento de Esgoto e destacou que obra representa início da despoluição de riachos Reginaldo e Salgadinho

Sistema de esgotamento sanitário beneficiará mais de 120 mil pessoas em Maceió

Secretária de Infraestrutura, Maria Gevan Gomes, representou o governador Paulo Dantas na inauguração da Estação de Tratamento de Esgoto e destacou que obra representa início da despoluição de riachos Reginaldo e Salgadinho

Por Assessoria | Edição do dia 30 de junho de 2022
Categoria: Alagoas, Ultimas Notícias | Tags: ,,


Os bairros da parte média alta de Maceió viveram um dia histórico no serviço de saneamento básico nesta quinta-feira (30), com a inauguração da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Caçadores. A obra — cuja unidade foi construída por meio de um Contrato de Locação de Ativos entre a Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) e o consórcio Sanema (Saneamento de Maceió), liderado pela empresa Conasa Infraestrutura —, beneficiará mais de 120 mil pessoas de bairros como a Pitanguinha, Gruta de Lourdes, Canaã, Jardim Petrópolis, Farol, Pinheiro e Santo Amaro.

Ao todo, o sistema, localizado no bairro do Farol (por trás do Quartel do Exército), tem 80 quilômetros de redes coletoras, coletores-tronco e linhas de recalque e 18 estações elevatórias de esgoto, cuja capacidade para tratamento de esgotos será de 238 litros de esgoto por segundo.

Na ocasião, a secretária de Estado de Infraestrutura, Maria Gevan Gomes, representou o governador Paulo Dantas na solenidade de inauguração da obra, e destacou os benefícios para a população dos vários bairros no entorno da Estação de Tratamento de Esgoto.

“Essa obra é um presente para 120 mil pessoas da nossa capital, pois trará mais saúde e qualidade de vida. Além disso, estamos também resolvendo um problema crônico de Maceió, que é o início da despoluição dos riachos do Reginaldo e do Salgadinho”, destacou a secretária.

O investimento previsto em todo o sistema de esgotamento sanitário foi de R$ 185 milhões, dos quais cerca de R$ 30 milhões foram investidos apenas na Estação de Tratamento. “O que estamos entregando hoje é uma obra histórica, porque cobre grande parte de um déficit no saneamento básico da capital nos últimos 30 anos e garante ainda o acesso à coleta e ao tratamento do esgoto aos moradores, prevenção de doenças, melhoria da saúde, meio ambiente e valorização imobiliária”, ressaltou o presidente da Casal, Luiz Neto.

Presidente do Grupo Conasa Infraestrutura, o empresário Mário Marcondes, um dos parceiros da Casal na obra da ETE, também destacou os benefícios com a inauguração da obra. “Estamos proporcionando à população dessa linda capital ter finalmente acesso ao esgotamento sanitário, um serviço tão básico quanto a saúde”, disse Marcondes.

As redes coletoras do sistema estão em fase final de implantação e contemplam os seguintes bairros da parte média alta da capital: Pitanguinha, Gruta de Lourdes, Canaã, Jardim Petrópolis, Farol, Pinheiro e Santo Amaro.

Boa parte das redes e elevatórias já está pronta possibilitando a ETE receber e tratar o efluente. Os moradores que possuem rede coletora na porta estão recebendo comunicados da BRK Ambiental para que se interliguem o quanto antes. Ao fazerem isso, eles devem desativar as fossas sépticas, comumente usadas em locais que não dispõem de rede coletora de esgoto.

Por outro lado, quem já tem a rede na porta, mas ainda não recebeu o comunicado, por enquanto, não deve se interligar a ela. Isso porque o imóvel somente pode ser interligado quando a rede estiver finalizada e com as respectivas estações elevatórias também prontas. As elevatórias são estruturas responsáveis por fazerem o bombeamento do esgoto, por meio das redes, até a ETE.

A expectativa da Casal e da empresa Sanema (Saneamento de Maceió) é que até o final de agosto todas as elevatórias e redes estejam 100% finalizadas. Assim, os demais moradores também receberão os comunicados para que se interliguem a essas estruturas.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados