Seris já imunizou mais de mil servidores contra a Covid-19

Número representa 83% do total de servidores penitenciários; quase 500 pessoas também já receberam a 2ª dose no próprio sistema prisional

Seris já imunizou mais de mil servidores contra a Covid-19

Número representa 83% do total de servidores penitenciários; quase 500 pessoas também já receberam a 2ª dose no próprio sistema prisional

Por Assessoria | Edição do dia 28 de maio de 2021
Categoria: Notícias, Saúde | Tags: ,,,


Foto: Divulgação

A Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) já imunizou 1.118 servidores do sistema prisional alagoano contra a Covid-19. O número corresponde a 83% do total de servidores penitenciários e evidencia o compromisso da gestão prisional em conter o avanço do vírus e preservar a saúde de todos: servidores, reeducandos e visitantes.

Somem-se a isso as medidas de prevenção adotadas pela Seris ainda no início da pandemia, que, apesar da série de desafios impostos, não chegou a comprometer a ordem e a disciplina nas unidades prisionais da capital e interior do estado – que dispõe de seu próprio hospital de campanha e não registra óbito por Covid-19 entre os presos.

Os primeiros a receberem a primeira dose foram os policiais penais que já completaram 45 anos de idade, após anúncio feito, no mês de abril, pelo governador Renan Filho aos profissionais da Segurança Pública de Alagoas. Posteriormente, a Gerência de Saúde da Seris iniciou a imunização dos demais servidores, incluindo os da área administrativa e sem limite de idade, para só então começar a vacinar os custodiados, como determina o Ministério da Saúde.

“Com tanta gente no país inteiro ainda aguardando a oportunidade de se proteger contra essa doença terrível, só tenho a agradecer a todos da Seris por já me vacinar”, conta o servidor Joenne Mesquita, imunizado, semana passada, no sistema prisional, com a primeira dose da Oxford/Astrazeneca, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Brasil.

E também há quem já tenha recebido, inclusive, a segunda dose do imunizante. É o caso de 450 servidores, entre policiais penais, guardas prisionais e profissionais de saúde da Seris. “E vamos seguir atentos à prevenção, conscientizando servidores, reeducandos e visitantes. Mantemos a busca ativa de casos suspeitos de Covid-19 nas unidades prisionais, bem como as barreiras sanitárias, com a liberação do visitante ocorrendo somente após a aferição da temperatura e a limpeza das mãos com água e sabão ou álcool 70%”, destaca a gerente de Saúde da Seris, policial penal Danielah Lopes.

Assistência à saúde

A Covid-19 é uma doença que pode deixar sequelas, sendo necessária a reabilitação. Nesse sentido, além da vacinação, outras medidas estão sendo adotadas para preservar a saúde dos servidores, a exemplo da assistência psicossocial e fisioterápica, inclusive por meio de teleconsulta.

Presencialmente, as sessões de fisioterapia acontecem sempre às segundas e quartas-feiras, das 8h às 12h, com a profissional Lívia Dantas, mediante agendamento pelo telefone (82) 9 8876-7792.

“O trabalho que estamos realizando junto aos servidores que necessitam de reabilitação pós-Covid é uma prova de que nossa assistência não se resume à prevenção. O apoio psicológico também é uma realidade, para que todos estejam de fato aptos a retomar suas atividades da melhor forma possível”, reforça a responsável pela Gerência de Saúde, cujo contato também pode ser feito por meio do número (82) 3315-3522.

Vale destacar que, apesar da imunização inicial, os cuidados já conhecidos por todos – a exemplo do uso obrigatório de máscara de proteção e da correta higienização das mãos – devem ser mantidos. Afinal, a pandemia ainda não acabou, além do que Alagoas segue na fase vermelha do Plano de Distanciamento Social Controlado.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados