Senado aprova Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc

Com 76 votos a favor PL segue para sansão do Presidente

Por Assessoria com redação | Edição do dia 4 de junho de 2020
Categoria: Cultura | Tags: ,,,


Em um dia que entra para a história da cultura brasileira, 6 anos depois da aprovação da Lei Cultura Viva no mesmo Senado Federal, o Congresso Nacional aprova em votação consagradora a Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc que agora segue para a sanção presidencial.

Foram semanas de mobilização em todo o país, dos mais diversos segmentos artísticos e culturais, dezenas de web conferências pelos estados e municípios, milhares de pessoas que participaram, se manifestaram, torceram, compartilharam, mobilizaram parlamentares dos seus estados, fizeram valer a voz do povo! A Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc superou barreiras ideológicas e fronteiras partidárias, mostrou que a defesa da cultura é uma pauta cívica, um interesse maior do país, e deve estar acima das disputas e das divergências.

A Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc é uma Vitória consagradora dos trabalhadores e trabalhadoras da cultura da cultura do Brasil, uma Vitória do povo brasileiro e uma reafirmação da nossa democracia.

Mas a aprovação da Lei dá início a novas lutas e construções: além de garantir a sanção presidencial, a implementação da Lei Aldir Blanc nos estados e municípios vai exigir muita participação e mobilização permanente dos fazedores e fazedoras de cultura de todo o país, artistas, produtores, pontos de cultura, redes, coletivos e movimentos culturais.

A Articulação Nacional de Emergência Cultural convoca a todos e todas para esta caminhada que hoje, neste histórico dia 04 de junho de 2020, está apenas começando.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados