Segurança Pública estabelece protocolo para realização de testes rápidos em profissionais

Normatização foi publicada no Diário Oficial do Estado e engloba, também, profissionais das Polícias Federal, Rodoviária Federal e do Ronda no Bairro

Segurança Pública estabelece protocolo para realização de testes rápidos em profissionais

Normatização foi publicada no Diário Oficial do Estado e engloba, também, profissionais das Polícias Federal, Rodoviária Federal e do Ronda no Bairro

Por | Edição do dia 17 de abril de 2020
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,


Ascom SSP

Ascom SSP

A Secretaria de Estado da Segurança Pública de Alagoas (SSP) estabeleceu o protocolo a ser seguido por profissionais da segurança pública na realização de testes rápidos que detectem a Covid-19. A portaria, assinada pelo secretário Lima Júnior, foi publicada na edição desta sexta-feira (17) do Diário Oficial do Estado (DOE).

O Centro Médico Hospitalar da Polícia Militar (CMH/S), localizado na Praça da Independência, nº 67, Centro de Maceió, foi definido como a unidade responsável pela realização dos exames.

O protocolo estabelecido deverá ser realizado por profissionais da Segurança Pública de Alagoas, além de integrantes da Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e integrantes do programa Ronda no Bairro, que apresentem pelo menos dois dos sinais e sintomas da Covid-19, sendo um deles respiratório, como febre, tosse, dificuldade para respirar, produção de escarro, congestão nasal ou conjuntival, dificuldade para deglutir, dor de garganta, coriza, anosmia, mialgia ou diarreia.

Os profissionais sintomáticos devem procurar o CMH/S até o 10º dia após início dos sintomas e realizar o agendamento pelo telefone funcional (82) 98833-9358 ou pelo WhatsApp (82) 99904-0315, da TC QOS PM Joana D’arc Gomes de Oliveira, diretora do Centro de Enfermagem da Diretoria de Saúde da Polícia Militar do Estado de Alagoas. Eles serão obrigatoriamente afastados das atividades por 14 dias a contar da data de início dos sintomas.

A normatização levou em conta as medidas que vêm sendo tomadas para o enfrentamento da emergência em saúde decorrente do novo coronavírus, as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS), o alerta emitido pelo Ministério da Saúde em 11 de março – sobre os riscos de crescimento exponencial de casos –, além do decreto estadual que instituiu medidas temporárias de enfrentamento à pandemia no âmbito dos órgãos e entidades da administração direta e indireta do Estado.

Profissionais de saúde – A portaria também normatiza os procedimentos que os profissionais da saúde devem adotar no CMH/S para atender os casos suspeitos de Covid-19. De acordo com o texto, a unidade hospitalar oferecerá ao profissional sintomático uma máscara cirúrgica e álcool em gel para a higienização das mãos.

O profissional de segurança pública será encaminhado à pré-consulta com a enfermeira do horário, onde será preenchido um formulário com as informações necessárias. Depois da consulta, será realizado o teste rápido para Covid-19.

O resultado do teste será encaminhado ao médico plantonista. Caso seja negativo, o profissional de segurança será orientado a retornar ao trabalho. Já em caso de resultado positivo para Covid-19, o CMH/S deverá notificar imediatamente o serviço de saúde através do e-mail notifica@saude.al.gov.br ou pelos telefones: (82) 3315-2059, 08002845415 ou (82) 98882-9752 (24h) e encaminhar o paciente ao serviço público ou privado de saúde referência no tratamento.

Se o profissional for integrante das forças militares, a unidade deverá conceder 14 dias de isolamento ou, após avaliação, conceder um prazo indicado pelo médico do quadro de saúde da Polícia Militar de Alagoas.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados