Sebrae promove curso de atendimento ao público para pessoas com síndrome de down

Ação é pioneira no país e contará com palestra de sensibilização para pais e profissionais

Sebrae promove curso de atendimento ao público para pessoas com síndrome de down

Ação é pioneira no país e contará com palestra de sensibilização para pais e profissionais

Por | Edição do dia 9 de março de 2017
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,,,,,,,


Incluir e dar condições para que pessoas com deficiência possam acessar o mercado de trabalho também é um ato de empreender. Pensando nisso, o Sebrae em Alagoas, em parceria com o Instituto Amor 21 e o Maceió Convention & Visitors Bureau, vai realizar em seu auditório no próximo dia 14, às 19h, uma palestra de sensibilização para o Curso de Atendimento ao Público para pessoas com Síndrome de Down.

A palestra será ministrada pelo facilitador Walter Rocha e tem como objetivo sensibilizar pais, familiares e profissionais que acompanham o dia a dia de pessoas com Síndrome de Down para que elas possam participar das duas turmas do curso, que terão início nos dias 06 e 07 de abril, na sede do Sebrae, com previsão de conclusão nos dias 08 e 09 e julho. A capacitação tem carga horária de 30 horas, distribuídas em 10 encontros semanais de três horas cada.

O Curso de Atendimento ao Público para pessoas com Síndrome de Down pretende preparar seus participantes para atender com excelência e qualidade, ficando disponíveis para demandas e oportunidades de mercado na área de turismo e eventos. A inscrição será gratuita e contará com uma seleção dos participantes, seguindo pré-requisitos necessários para o desenvolvimento das competências previstas para o curso. A seleção será feita pelo Instituto Amor 21 em data a ser divulgada no dia da palestra de sensibilização.

No andamento da capacitação, serão trabalhados os seguintes tópicos: Relações Interpessoais; Autoconhecimento, Autoestima e Autoconfiança; Quem é o seu Público? Conheça para Encantá-lo; Atender, Entender e Encantar o Público; Hábitos do Trabalho: Pontualidade, Responsabilidade, Hierarquia, Higiene, Rotina; Recepção Eficiente; Palavras Mágicas; A Comunicação, A Linguagem Corporal e a Alegria no Atendimento; Apresentando as Belezas de Alagoas; e Incentivando o Trabalho em Equipe.

Michele Bulhões, analista da Unidade de Soluções e Educação Empreendedora (USEE) do Sebrae em Alagoas, destacou que os jovens participantes já poderão pôr em prática os conhecimentos obtidos durante o VIII Congresso Brasileiro Sobre Síndrome de Down, que será realizado no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceió, entre os dias 26 e 28 de outubro. A analista também lembrou que o curso é uma ação pioneira em todo o país.

“O Sebrae desenvolveu o curso para preparar os participantes para que eles possam trabalhar na linha de frente da recepção do público do congresso, fazendo a inclusão social com vistas às oportunidades de mercado para essas pessoas. Em todo o Brasil, essa será a primeira capacitação específica para a área de atendimento realizada com pessoas com Síndrome de Down. Além de termos expertise em capacitações nessa área, somos pioneiros no tema”, frisou Michele.

As inscrições para a palestra e para o curso são gratuitas e podem ser feitas através do telefone da Central de Atendimento do Sebrae: 0800 570 0800. A sede do Sebrae em Alagoas está localizada à Rua Dr. Marinho de Gusmão, número 46, Centro de Maceió.

Congresso

O VIII Congresso Brasileiro Sobre Síndrome de Down, promovido pela Federação Brasileira das Associações de Síndrome de Down, com a parceria e o apoio de instituições como o Sebrae em Alagoas, Governo do Estado de Alagoas e Prefeitura Municipal de Maceió, terá como foco a discussão de assuntos relevantes para o cotidiano desse público, como alterações biológicas, nutrição, estimulação precoce, inclusão escolar e direitos das pessoas com deficiência.

A proposta é oferecer informações relevantes que auxiliem pais, cuidadores, professores, terapeutas e demais profissionais envolvidos no dia a dia da pessoa com Síndrome de Down a proporcionarem uma atenção que favoreça o desenvolvimento de todo o seu potencial.

O evento vai reunir famílias, médicos, pesquisadores, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, fisioterapeutas, educadores, psicopedagogos, operadores do direito, cuidadores, assistentes sociais, entre outras pessoas, para troca de experiências.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados