Sebrae Alagoas faz mapeamento de municípios com potencial para o Ecoturismo

Juntamente com as prefeituras, instituição tem reunido elementos para a elaboração de planos de ação com foco no desenvolvimento e ampliação dessa atividade no estado

Sebrae Alagoas faz mapeamento de municípios com potencial para o Ecoturismo

Juntamente com as prefeituras, instituição tem reunido elementos para a elaboração de planos de ação com foco no desenvolvimento e ampliação dessa atividade no estado

Por Assessoria | Edição do dia 21 de maio de 2021
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,,,


Foto: Assessoria

O potencial econômico de muitos municípios alagoanos na área de Ecoturismo vem sendo mapeado pelo Sebrae Alagoas, que juntamente com as prefeituras tem reunido elementos para elaboração de planos de ação com foco no desenvolvimento dessa atividade no estado.

Esses planos de ação pontuam quais são os atrativos dos municípios das diversas regiões de Alagoas – do Litoral à Zona da Mata, do Agreste ao Sertão – e seus equipamentos turísticos, além de identificar os “gargalos” que impedem o avanço do Ecoturismo enquanto atividade econômica.

Segundo a consultora em Turismo e Governança de empresa credenciada ao Sebrae Alagoas, Luciana Calheiros, 12 municípios com potencial para negócios nesse tipo de turismo ou que já exploram essa atividade foram mapeados. Cidades como Delmiro Gouveia, Piranhas, Água Branca, Olho d´Água do Casado são algumas do Alto Sertão alagoano que concentram empreendimentos de Ecoturismo.

“Nós temos feito reuniões com as prefeituras e estamos na fase de elaboração dos planos de ação com cada município do projeto. No caso de Viçosa, por exemplo, onde tivemos reunião na semana passada com a Secretaria de Turismo, o município já tem consciência dos seus atrativos e onde precisa investir mais para promover eles. A infraestrutura de acesso aos locais e uma sinalização adequada são necessárias”, revela a consultora.

A Cachoeira do Anel é um desses locais no município de Viçosa. Indo um pouco mais além, na cidade de Maravilha, Alto Sertão de Alagoas, o chamariz de turistas são os fósseis da região. Em Santana do Ipanema, a Serra da Camonga é a atração do local. Os cânions do Rio São Francisco, em Olho d´Água do Casado, atraem ecoturistas o ano todo.

Além de estreitar a relação com o poder público municipal, para trabalhar na identificação de locais com potencial para o ecoturismo, o Sebrae também tem se empenhado para ajudar os negócios já existentes, principalmente nesse momento de pandemia. Luciana Calheiros explica que os programas do Sebrae têm sido fundamental para os empreendedores que também exploram o Ecoturismo não sejam tão prejudicados pela crise sanitária.

“Por meio de programas e consultorias, nós conseguimos mostrar a esses empreendedores a importância do marketing digital, o planejamento de suas mídias. Porque o que a gente percebe muito é a dificuldade do empreendedor em vender e mostrar seu trabalho. Às vezes é alguém que conhece uma trilha numa determinada região, mas não sabe como oferecer seu serviço nas redes sociais”, observa ela.

Case no sertão alagoano

A empresária da Pousada e Restaurante Castanho, Elise Baggenstoss, reforça que todas as soluções recebidas ajudam o negócio, de alguma forma, a enfrentar esse período, seja na gestão, atendimento ou em questões que envolvem os protocolos de segurança sanitária.

A empresa dela fica em Delmiro Gouveia. Conhecido ainda por oferecer passeios aos visitantes e hóspedes da região dos Cânions do São Francisco, o Castanho também é uma reserva ecológica, sendo um verdadeiro complexo do ecoturismo na região e referência para outros negócios do turismo e gastronomia de todo o estado.

“Com esse trabalho, os principais ganhos foram vistos na parte de atendimento, biossegurança e marketing. Mas todas essas capacitações e consultorias nos ajudam a passar por esse momento. Todas elas nos deram um norte, indicaram para onde seguir nesse período complicado, principalmente no início da pandemia, que foi bem mais difícil”, afirma Elise.

Na semana passada foi lançado o Portal Sebrae de Ecoturismo, criado com o objetivo de disseminar práticas inspiradoras e oportunidades de negócios, contribuindo para a inovação e produtividade dos negócios integrantes da cadeia do Ecoturismo, Turismo de Aventura e de Natureza. O Portal pode ser explorado por empreendedores, profissionais, entidades, gestores públicos e demais interessados no assunto.

O Portal Sebrae de Ecoturismo é uma plataforma inédita, cuja iniciativa é do Sebrae em Mato Grosso do Sul, mas com alcance para todo o País. Já está no ar no endereço https://www.portalecoturismo.com.br

Atendimento remoto

A equipe do Sebrae está mobilizada para atender as demandas dos empresários, que também podem contar com a estrutura de cursos online e gratuitos do portal EAD Sebrae com mais de 100 opções de cursos, basta acessar https://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/cursosonline.

O empresário pode entrar em contato com a instituição pelos canais remotos e digitais, como o portal sebrae.com.br/alagoas, telegram t.me/sebraealagoas, whatsapp e Telefone 0800 570 0800, chat e e-mail fale.sebrae.com.br, instagram @sebraealagoas, twitter @sebraealagoas, facebook /SebraeAlagoas, youtube @sebraealagoas e o linkedIn Sebrae Alagoas.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados