Samu atende quase 300 ocorrências de doenças cardiovasculares no 1º trimestre deste ano; confira

No total, 287 chamados foram atendidos

Samu atende quase 300 ocorrências de doenças cardiovasculares no 1º trimestre deste ano; confira

No total, 287 chamados foram atendidos

Por Assessoria | Edição do dia 27 de abril de 2021
Categoria: Saúde | Tags: ,,


Estudos da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que as doenças cardiovasculares seguem como umas das principais causas de mortes no mundo, onde a pressão alta está ligada direta ou indiretamente a esses óbitos. Na Semana Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão Arterial, balanço divulgado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Alagoas aponta que, nos três primeiros meses deste ano, foram atendidas 287 ocorrências relacionadas a problemas cardiovasculares.

Os sintomas mais comuns relatados pelos requerentes que sofrem com a pressão alta e que foram atendidos pela Central de Regulação Médica do Samu Alagoas são tontura, dores de cabeça frequentes, dores no peito, palpitações e alteração na visão. A partir da gravidade da doença cardiovascular apresentada pelo paciente durante o teleatendimento, uma ambulância é encaminhada imediatamente para prestar assistência ao cidadão.

“É importante destacar que diversos fatores de risco podem levar o indivíduo a ter hipertensão arterial, a exemplo do sedentarismo, histórico familiar de doenças cardíacas preexistentes, diabetes e níveis elevados de colesterol e triglicérides, entre outras situações. E caso não haja tratamento e nem controle da pressão alta, o indivíduo pode ser acometido por doenças cardiovasculares muito graves, como o infarto agudo do miocárdio, entupimento das artérias e os AVCs [Acidentes Vasculares Cerebrais], que podem ser isquêmicos ou hemorrágicos”, explica a coordenadora Médica da Central Maceió do Samu Alagoas, Martha Valente.

Foto: Reprodução

A médica reforça, ainda, que uma gama de medidas preventivas pode contribuir para a manutenção da saúde do indivíduo. “É extremamente importante que as pessoas hipertensivas redobrem os cuidados com a saúde, mantenham as taxas de colesterol e pressão arterial controlados, pratiquem atividades físicas e optem por uma alimentação mais saudável”, salienta, ao informar que para acionar o Samu, basta ligar para o número 192.

Ela orienta que as pessoas que apresentem sintomas relacionados a hipertensão, popularmente conhecida como pressão alta, devem procurar as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) dos seus municípios de origem. Ao receberem atendimento, a pressão arterial será aferida e, dependendo do quadro clínico do paciente, ele passará a fazer uso de medicamento diário para controlar a hipertensão, evitando a ocorrência de AVCs.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados