Sala Lilás do HE do Agreste será reformada para ampliar assistência às vítimas de violência sexual

Gerência do HE do Agreste recebeu a visita técnica da coordenação da RAVVS para dialogar sobre ampliação de serviço

Sala Lilás do HE do Agreste será reformada para ampliar assistência às vítimas de violência sexual

Gerência do HE do Agreste recebeu a visita técnica da coordenação da RAVVS para dialogar sobre ampliação de serviço

Por Assessoria | Edição do dia 15 de setembro de 2021
Categoria: Alagoas, Saúde | Tags: ,,,,,


O Governo de Alagoas investe, cada vez mais, no atendimento humanizado às vítimas de violência sexual. Prova disso é que a Sala Lilás do Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, vai ser reformada e ampliada, para qualificar, ainda mais, a assistência aos usuários.

Para isso, técnicos da Rede de Atenção às Vítimas de Sexual (Ravvs), órgão vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), estiveram, nesta quarta-feira (15), em visita técnica ao HEA. Eles inspecionaram o espaço físico da Sala Lilás, acompanhados da gerente-geral da unidade, Bárbara Albuquerque.

O HE do Agreste recebe pessoas provenientes de 52 municípios do interior alagoano. A Sala Lilás, para pacientes vítimas de violência sexual, conta com atendimento médico, enfermeiro, assistente social e psicóloga, proporcionando um acolhimento humanizado e com sensibilidade.

Camille Wanderley, coordenadora do RAVVS, ressaltou a qualidade da equipe treinada e preparada para atender os pacientes no HE do Agreste. Ela ressaltou que o objetivo da visita é fortalecer a Sala Lilás e continuar garantindo um serviço integral e humanizado.

“A partir do momento que podemos contar com uma equipe técnica qualificada para esta assistência, podemos agir de maneira mais rápida e garantir que o paciente tenha seus direitos assegurados e, de alguma forma, buscar minimizar os impactos provocados pela violência sexual. Vamos realizar uma força-tarefa para ampliar a Sala Lilás do Hospital de Emergência e será um ganho enorme para Alagoas”, salientou.

Para Bárbara Albuquerque, gerente-geral do HE do Agreste, a ampliação é importante para toda a sociedade. “Vamos buscando aumentar o leque de possibilidades para atender a população. E esta proposta de ampliação da Sala Lilás é ótima para termos mais espaço e oferecer mais comodidade para os pacientes que chegam num momento tão complicado”, afirmou.

Sala Lilás – A comitiva visitou a atual Sala Lilás para observar o local que vai receber a reforma. A coordenadora do serviço no HE do Agreste, enfermeira Fernanda Albuquerque, explicou que as medidas vão oferecer mais tranquilidade para os pacientes. Ela ainda disse que a equipe multiprofissional, formada por médico, enfermeiro, psicólogo e assistente social, é reconhecida pelo trabalho cuidadoso e sensível nos atendimentos.

“Quando o paciente passa na classificação de risco, é encaminhado para o setor específico. Não importa a idade, sejam crianças, adolescentes, adultos ou idosos. O importante é que todos se sintam acolhidos”, afirmou Fernanda.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados