Rosa Weber vai julgar notícia-crime contra Bolsonaro no caso da Covaxin

Presidente teria prevaricado ao não agir diante de suspeitas de corrupção

Rosa Weber vai julgar notícia-crime contra Bolsonaro no caso da Covaxin

Presidente teria prevaricado ao não agir diante de suspeitas de corrupção

Por Redação | Edição do dia 29 de junho de 2021
Categoria: Brasil, Notícias, Política | Tags: ,,


Nessa segunda-feira (28), os senadores Randolfe Rodrigues (Rede), Fabiano Contarato (Rede) e Jorge Kajuru (Podemos) enviaram uma notícia-crime ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra Jair Bolsonaro.

Ministra Rosa Weber (Foto: Estadão)

Os parlamentares querem que o STF investigue se o presidente cometeu crime de prevaricação ao não mandar investigar as suspeitas de irregularidades apresentadas pelo servidor da saúde Luis Ricardo Miranda e por seu irmão, o deputado Luis Miranda (DEM).

Segundo o depoimento dos irmãos Miranda, Bolsonaro foi pessoalmente informado de suspeitas de corrupção na compra da vacina Covaxin pelo Ministério da Saúde e não agiu para investigar a denúncia.

A relatora da notícia-crime é a ministra Rosa Weber, que já encaminhou o caso para a Procuradoria Geral da República.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados