Ricardo Braga é lembrado no Eternamente deste sábado

Ricardo Braga é lembrado no Eternamente deste sábado

Por | Edição do dia 12 de agosto de 2016
Categoria: Cultura | Tags: ,,,


d21f6fdc6578656bc78ff38327b545e0_L

Ricardo Braga começou a cantar praticamente na época da Jovem Guarda (Foto: divulgação)

O cantor Ricardo Braga terá sua obra lembrada na edição deste sábado (13), às 13h, na rádio Difusora AM. A atração exibe também um inesquecível sucesso de 1977 com Bee Gees e uma gravação pouco conhecida como Gilberto Lima, a releitura de um clássico do repertório de Roberto Carlos, com a Banda Barão Vermelho, além de curiosidades e fofocas de bastidores dos tempos áureos da Jovem Guarda, com David Hernandes.

Valdir Queiroz, que ficou conhecido na década de 1970 como Ricardo Braga, iniciou trajetória como cover de Roberto Carlos. O sobrenome adotado Braga foi em homenagem ao Rei. No entanto, conseguiu se desvencilhar da imagem de seu ídolo e desenvolveu carreira própria. Destacou-se por sua voz marcante e repertório singular.

Ricardo Braga começou a cantar praticamente na época da Jovem guarda. Lançou pela RCA Victor em 1978, seu primeiro disco, produzido por Marcelo Duran após compor o pout-pourri Roberto Collection em homenagem ao seu ídolo Roberto Carlos. O disco foi um sucesso imediato, com grande repercussão, vendendo aproximadamente 400 mil cópias. Um dos sucessos que notabilizou a carreira do artista foi o single Uma Estrela Vai Brilhar e Agradece.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados