Ressocialização promove Casamento Coletivo no Sistema Prisional

Desta vez, 270 casais serão contemplados com a ação; cerimônia acontece no Núcleo Ressocializador da Capital

Por | Edição do dia 13 de outubro de 2015
Categoria: Artigos, Maceió, Notícias | Tags: ,,


large (3)

O Casamento Coletivo será dividido em dois momentos (Foto: Ascom Seris)

A Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris), em parceria com o Tribunal de Justiça de Alagoas, realizam na próxima sexta-feira (16), a partir das 15h, mais uma edição do Casamento Coletivo. O evento vai celebrar a união de 270 casais, entre reeducandos do sistema prisional alagoano e seus companheiros. A cerimônia acontece no Núcleo Ressocializador da Capital, situado no Complexo Prisional, no Tabuleiro, em Maceió/AL.

O Casamento Coletivo será dividido em dois momentos, no período da manhã os noivos assinarão as documentações necessárias para legalizar o casamento civil, trabalho que será desenvolvido por funcionários do Tribunal de Justiça de Alagoas. Já no período da tarde, ocorrerá a celebração religiosa da união dos casais.

Antes da celebração, uma equipe de cabeleireiras formada por reeducandas que concluíram o Curso de Cabeleireiro Assistente, no Sistema Prsional, irão cuidar do visual das noivas. As custodiadas farão ainda o bolo de casamento e ajudarão na ornamentação do espaço onde será feita a celebração.

O gestor da Seris, tenente-coronel PM Marcos Sérgio de Freitas, falou sobre a importância do casamento coletivo para evitar a promiscuidade nas unidades. “Este é um anseio da população carcerária, então nós vamos mais uma vez proporcionar este momento, dando a todos o acesso aos direitos civis”, concluiu.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados