Renan Filho quer virar o ano sem desemprego

Governador entregou ao cidadão alagoano uma estrutura mais moderna, confortável e segura

Por | Edição do dia 3 de novembro de 2015
Categoria: Alagoas, Notícias


Por: Cadu Epifânio

Gustavo Araújo, 20, é mais um alagoano que vai usufruir da nova unidade do Sistema Nacional de Emprego (Sine), inaugurada, nesta terça-feira, 3, na avenida Comendador Leão, em Maceió. A unidade vai auxiliar Alagoas em uma meta audaciosa do governador Renan Filho: fazer com que o Estado não perca emprego este ano, mesmo diante de uma crise que assola o país.

Renan Filho pontua que o país perdeu um 1 milhão e 300 mil postos de trabalho. Nesta linha, o Nordeste chegou ao déficit de 150 mil empregos. Deste número, Alagoas perdeu 500 vagas.

A nova unidade do Sine, no bairro de Jaraguá, tem um papel estratégico neste resgate dos empregos no Estado de Alagoas. (Foto: Márcio Ferreira)

A nova unidade do Sine, no bairro de Jaraguá, tem um papel estratégico neste resgate dos empregos no Estado de Alagoas. (Foto: Márcio Ferreira)

“Vivemos, em Alagoas, uma crise econômica do setor sucroalcooleiro e a crise econômica de modo geral. Temos dois meses para encerrar o ano e temos o compromisso do grupo AeC, de Arapiraca, em gerar esses 500 empregos em dezembro. Mas, sobretudo, vamos correr atrás para que Alagoas feche o ano sem perder emprego. Podemos ser um dos únicos ou o único estado da federação que não perdeu emprego em 2015”, confirmou o governador.

Neste sentido, o Governo do Estado vai reforçar as ações de incentivo ao primeiro emprego, de qualificação e fomento da iniciativa privada para que a geração de vagas no campo de trabalho continue ocorrendo. A função do Estado é encontrar onde estas vagas estão surgindo e encaminhá-las para quem mais precisa.

“Tenho percorrido o Brasil em busca de iniciativas que possam dar certo e trazer para Alagoas estas oportunidades”, completou o governador Renan Filho.

A nova unidade do Sine, no bairro de Jaraguá, tem um papel estratégico neste resgate dos empregos no Estado de Alagoas. Com uma sede mais confortável, segura e moderna, funcionando das 8h às 14h, o cidadão alagoano comum como o jovem Gustavo Araújo, pode ter acesso a um cadastro para se candidatar a uma nova oportunidade de emprego. Ele, por sua vez, tem experiência e aguarda uma vaga no setor hoteleiro, em expansão no Estado – segundo Renan Filho, 21 novos hotéis e pousadas estão em construção em Alagoas.

“Agora, está muito mais seguro, pois a antiga sede era perigosa e de difícil acesso”, recordou sem saudades Gustavo Araújo.

Por outro lado, o secretário de Estado do Trabalho, Rafael Brito, lembrou que o atendimento mais qualificado do Sine age no momento mais importante da vida de muitos trabalhadores. O ritmo forte imposto para melhor servir o alagoano visa unicamente transformar a vida dos alagoanos dando todo o suporte, segundo o secretário, para que o cidadão possa ter oportunidade, em pé de igualdade, para disputar uma vaga no mercado de trabalho.

“São 25 mil atendimentos por mês e atender com qualidade é a nossa missão aqui. Queremos humanizar a assistência ao trabalhador, inserir a pessoa que tem deficiência auditiva, além de oferecermos a ouvidora para termos esse retorno sobre o atendimento da rede Sine [17 unidades, 12 no interior, e cinco na capital]”, completou Rafael Brito.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados