Quarentena: Maceió avança para fase laranja do isolamento social controlado

Em contrapartida, interior de Alagoas deverá continuar com isolamento na fase vermelha

Por Thiago Luiz - Estagiário | Edição do dia 30 de junho de 2020
Categoria: Coronavírus | Tags: ,,,,


Com o fim do decreto nesta terça-feira (30), o Governo do Estado, baseado na Matriz de Risco, decretou que, além dos estabelecimentos que já estavam funcionando com autorização, a partir de sexta-feira (3), também estarão liberados salões de beleza, barbearias, igrejas e templos religiosos e lojas de até 400 metros quadrados.

Apesar de o novo decreto de isolamento social controlado do Estado entrar em vigor já a partir de 1º de julho, mas não pode liberar os estabelecimentos incluídos na bandeira laranja. Isso porque o decreto de Prefeitura de Maceió só expira na sexta-feira (3), quando de fato haverá a abertura desse grupo.

Mesmo com a flexibilização, o Governo chamou a atenção dos empresários para a necessidade de cumprirem os protocolos sanitários. Igrejas e templos só poderão funcionar com 30% de sua capacidade. Salões de beleza e barbearia com 50%.

O secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, reiterou ainda a importância da colaboração da sociedade. De acordo com o titular da Sesau, o Estado tem ouvido a Ciência e feito todo o protocolo de maneira cautelosa.

No interior de Alagoas, nada muda. Os municípios continuam na fase vermelha, em razão do crescimento do número de casos e óbitos. Segundo o governador, a contenção no interior, é para dar tempo de conter o avanço da Covid-19.

Renan Filho também alertou para a importância da colaboração dos alagoanos, porque se os números não continuarem contidos e saírem outra vez do controle, o Governo vai voltar atrás e tomar medidas de proteção à sociedade do novo coronavírus.

No intuito de garantir mais leitos e ampliar a capacidade de atendimento, o Estado vai inaugurar o Hospital do Norte, em Porto Calvo, já nesta quarta-feira (1º). E ainda segundo o governador, a fiscalização será reforçada no interior para assegurar a contenção da curva de contágio.

 

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados