Programa Pontapé oferta 240 vagas de estágio para estudantes de Direito

OAB é parceira e apoia a iniciativa

Programa Pontapé oferta 240 vagas de estágio para estudantes de Direito

OAB é parceira e apoia a iniciativa

Por Assessoria | Edição do dia 11 de janeiro de 2022
Categoria: Alagoas | Tags: ,,,


Estudantes do curso de Direito que buscam aprimorar seus conhecimentos têm em uma iniciativa do Governo de Alagoas uma grande oportunidade. O Programa Pontapé, desenvolvido pela Secretaria do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag), está ofertando 1200 vagas de estágio para estudantes de direito, nutrição, ciências contábeis e educação física, distribuídas na capital e no interior. A seccional alagoana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-AL) é parceira da iniciativa.

Foto: Divulgação/OAB.

Os interessados têm até 14 de janeiro para realizar o cadastro diretamente na plataforma pontape.al.gov.br. São 240 vagas reservadas para acadêmicos de direito. Os estudantes selecionados vão atuar na Secretaria de Estado da Educação, que alocará os estagiários nas unidades escolares por até dois anos, por intermédio das Gerências Regionais de Educação (GERE).

A Ordem dos Advogados do Brasil em Alagoas (OAB-AL) é uma das apoiadoras do Programa Pontapé. O presidente da entidade, Vagner Paes, destacou a importância da iniciativa no processo de formação de novos advogados e lembrou que essas oportunidades não ficarão restritas aos estudantes da capital.

“Essa parceria com o Governo do Estado busca abrir oportunidades para os jovens estudantes de Direito aliarem teoria e prática. O Programa Pontapé se mostra muito relevante, sobretudo pela grande quantidade de vagas ofertadas”, pontua o presidente da OAB-AL, Vagner Paes.

Processo seletivo

O processo seletivo realizado pelo Programa Pontapé acontece de forma online e tem como principal critério de seleção o Coeficiente de Rendimento (CR). A iniciativa conta com mais de 20 instituições de ensino cadastradas e é válida para graduações presenciais ou a distância.

Podem participar do processo seletivo estudantes devidamente matriculados e que estejam cursando, no mínimo, o segundo ano, para cursos de periodicidade anual, ou o terceiro semestre, em caso de curso de periodicidade semestral.

O Programa Pontapé prevê que cada processo seletivo oferte, além das vagas para ampla concorrência, oportunidades para Pessoa com Deficiência (PcD), para inscritos no CadÚnico e para aqueles que cursaram todo o ensino médio na rede pública ou na privada com bolsa integral.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados