Programa de capacitação de MEIs tem pré-lançamento nesta quarta

As inscrições seguem abertas até o dia 31 de maio

Programa de capacitação de MEIs tem pré-lançamento nesta quarta

As inscrições seguem abertas até o dia 31 de maio

Por Assessoria | Edição do dia 26 de maio de 2021
Categoria: Economia, Maceió | Tags: ,,,,


Maceió é a primeira cidade do Nordeste a receber a Salto: Aceleradora de MEIs, programa que capacita gratuitamente Microempreendedores Individuais (MEI) de todo o município. Para marcar a chegada do programa à capital alagoana, uma live de pré-lançamento será realizada nesta quarta-feira (26), às 19h, com transmissão pelo canal do Impact Hub, no Youtube.

No encontro virtual, que contará com a participação do Prefeito JHC e do secretário de Economia, João Felipe Borges, o público poderá conferir a história do programa, os casos de sucesso em todo o país, esclarecer dúvidas e entender como funciona a metodologia aplicada pela Aceleradora. A chegada do programa Salto, que é a primeira e maior aceleradora de MEIs do Brasil, é fruto de um convênio firmado entre a Prefeitura de Maceió e o Sebrae.

“Esta é uma oportunidade única para saber mais sobre a Salto e entender melhor de que forma este programa irá ajudar os empreendedor maceioense a potencializar seu empreendimento e faturamento. Com ele, a economia local só tem a ganhar’’, destacou o diretor de Empreendedorismo da Secretaria Municipal de Economia (Semec), Emerson Amâncio.

Foto: Divulgação

As inscrições seguem abertas até o dia 31 de maio. Basta que o MEI preencha o formulário disponível no www.saltoaceleradora.com. Qualquer microempreendedor formalizado pode se inscrever e o quanto antes ele se candidatar, mais chances tem de participar do programa. A previsão é de que a seleção seja divulgada no dia 8 de junho.

Ao todo, serão 10 semanas de capacitações personalizadas e inteiramente online que visam expandir a atuação do MEI e ajudá-lo no gerenciamento e crescimento do seu próprio negócio. Serão escolhidos os 200 primeiros inscritos que estiverem com a Declaração Anual de Faturamento do Simples Nacional (DASN-SIMEI) e o Documento de Arrecadação (DAS) de 2020 regularizados.

Caso o MEI não atenda aos critérios ele será informado com antecedência para que atualize suas pendências e possa participar da seleção.

Os empreendedores que ainda não fizeram sua declaração podem enviar o documento com a ajuda gratuita das Salas do Empreendedor, por telefone, Whatsapp e presencialmente, via agendamento. Saiba mais clicando aqui. 

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados