Procurando a universidade ideal nos EUA?

Veja este roteiro e faça uma busca mais tranquila!

Procurando a universidade ideal nos EUA?

Veja este roteiro e faça uma busca mais tranquila!

Por | Edição do dia 16 de julho de 2018
Categoria: Opiniões | Tags: ,,,,,,,


Vocês lembram de Cristina Borges? Minha amiga e colega de atividade do EducationUSA no Ceará que nos presenteou com dicas no comentário TOEFL tips? Dicas para o Sucesso. Tivemos a sorte de ter nosso novo convite para participação na coluna aceito. Desta vez, Cristina nos fala sobre como encontrar a universidade ideal nos Estados Unidos. Então, Cristina, o que você tem a dizer?

“Quando falamos em estudar nos Estados Unidos, normalmente as pessoas lembram apenas das instituições mais famosas. As universidades Ivy League (Brown, Columbia, Cornell, Dartmouth, Harvard, the University of Pennsylvania, Princeton e Yale), instituições altamente seletivas, de excelência acadêmica e prestígio social, são o sonho de muitos alunos, mas será que alguma delas é realmente a ideal para você? A escolha de uma instituição deve ultrapassar a fama para ir de encontro aos nossos objetivos profissionais e de vida, ser uma experiência enriquecedora, construir uma ligação duradoura e proveitosa entre aluno e instituição. Nos EUA existem mais de 4.500 instituições de ensino superior com nível excepcional, acesso à pesquisa avançada, equipamentos de ponta, professores de renome, entre outras qualidades. Tantas opções podem tornar a escolha difícil, mas ao mesmo tempo a procura fica muito mais rica. Dentro deste universo, para encontrar a universidade ideal é preciso primeiro saber o que você procura:

  •         Qual cidade ou estado te atrai nos EUA? Este vasto país tem clima para todos os gostos, cidades cosmopolitas, regiões de enorme beleza natural e com isso também haverá os locais com custo de vida maior ou menor, vida cultural variada. A cidade grande impressiona, mas é bom conferir uma instituição em uma cidade menor, ou rural, que oferece um custo mais barato e qualidade de vida melhor. Muitas vezes, morar fora também implica em experimentar um estilo de vida (e de cidade) completamente diferente da sua.
  •         Como está seu tempo? Planeje sua ida aos EUA pelo menos 12-18 meses antes. Se você deseja entrar no ano letivo de 2020, deve começar agora sua procura e começar a reunir os documentos necessários para sua candidatura às instituições que você escolheu. Este tempo deve ser dedicado à sua pesquisa, fazer os testes que são exigidos (TOEFL, SAT/ACT, GRE, GMAT, dependendo do caso), requisitar traduções de seus documentos, pedir cartas de recomendação, enfim reunir tudo que será pedido. Além de tempo, esta fase de reunir documentação envolve investimento financeiro com o pagamento de taxas, das traduções e dos testes necessários, entre outros.
  •         Como você vai financiar seus estudos? Saiba que este é um investimento e como tal, você deve se planejar e ter, se possível, o apoio da sua família. Se o valor do curso é algo que pesa em sua escolha, então coloque este item em destaque na sua busca. Na concorrência por bolsa de estudos e ou ajuda financeira, saiba que a competitividade é maior, seu currículo acadêmico deve ser excelente e as notas de seus testes as mais altas. Impossível? Não! No site: https://educationusa.state.gov/find-financial-aid você encontra várias opções de financiamento e bolsas. Além disso, as próprias universidades oferecem ajuda financeira de diversos tipos para alunos internacionais.
  •         Onde procurar orientação? A busca pela instituição ideal é pessoal e intransferível, mas não precisa ser solitária.  (…).

 Se você quiser entrar em contato com Cristina Borges, aqui está o endereço eletrônico borges.cristina@gmail.com. Relembro que você também pode entrar em contato conosco e enviar suas dúvidas, comentários e sugestões. 

DICAS COMO ESSA E MUITO MAIS VOCÊ ENCONTRA NA COLUNA ESTUDAR LÁ FORA, EM O DIA ALAGOAS, JÁ NAS BANCAS!

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados