Procon Alagoas Lança lista de preços de itens da ceia de Natal

Pesquisa foi feita no Extra e Walmart do bairro da Gruta de Lourdes, em Maceió

Por | Edição do dia 14 de dezembro de 2018
Categoria: Economia, Notícias | Tags: ,,,


Com as constantes altas nos preços, principalmente nos alimentos, o Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon/AL) decidiu divulgar uma pesquisa de preço de 60 itens da ceia de Natal em dois grandes supermercados metropolitanos e orienta que o consumidor alagoano deve ficar atendo às promoções e criar o hábito de pesquisar os melhores valores, controlando os gastos para garantir uma compra de qualidade e econômica.

Entre os produtos divulgados estavam panetones, perus, nozes, vinhos, tenders, castanhas, frutas secas e queijos do reino. A média de preço dos panetones ficou entre R$ 21,55, chegando a uma diferença de R$ 32,79 entre o mesmo produto. Quanto aos tradicionais Perus a médica encontra-se entre R$ 16,96 KG.

O Instituto reforça a importância na hora da compra para que sejam avaliadas as informações sobre o produto, data de validade, cor, textura e odor dos alimentos, além de evitar as compras de enlatados que estejam estufadas, amassadas ou enferrujadas, pois esses danos podem levar à contaminação dos produtos. Aconselha também para não adquira as bebidas que estiverem próximas a locais aquecidos, expostas ao sol e perto de produtos de higiene e limpeza, pois tudo isso pode contaminar o produto.

O Diretor-Presidente do Procon Alagoas, Galba Netto, orienta para que antes das compras seja planejado um cardápio listando todos os alimentos, bebidas e ingredientes que irá compor a ceia, “É de suma importância fazer uma pesquisa de preços para que se leve em consideração a oferta, quantidade e qualidade dos produtos. Pensando nisso, o Procon Alagoas tomou a iniciativa de lançar aos consumidores uma pesquisa de preço para facilitar as compras natalinas”, informa.

O órgão comunica que todo estabelecimento tem por obrigação imposta pelo Código do Consumidor manter a informação adequada e clara sobre os produtos previsto no artigo 6º, inciso III, do Código de Defesa do Consumidor – Lei nº 8078/90. O mesmo deverá manter a especificação correta de quantidade, características, composição, qualidade, tributos incidentes e preço, bem como sobre os riscos o produto apresente.

O cuidado ao escolher os alimentos para a ceia de natal também é um dever do consumidor no ato da compra, conferindo sempre as substâncias que compõem os alimentos antes de adquiri-lo, além do prazo de validade.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados