Prefeitura de Arapiraca aplica mais de 1500 doses de vacina contra a Covid-19 no sábado

Prefeitura de Arapiraca aplica mais de 1500 doses de vacina contra a Covid-19 no sábado

Por Ascom Arapiraca | Edição do dia 2 de maio de 2021
Categoria: Coronavírus | Tags: ,,,,


Somente neste sábado, mais de 1500 arapiraquenses foram vacinados contra a COVID-19 nos três pontos de imunização. As equipes da Secretaria Municipal de Saúde trabalharam desde o início da manhã para que o maior número de pessoas pudesse receber a dose da esperança.

De acordo com a coordenadora de Doenças Imunopreveníveis de Arapiraca, enfermeira Mônica Suzy, 1512 doses foram aplicadas, sendo 1500 da coronavac para segunda dose e outras 12 da astrazeneca para segunda e primeira dose.

Na última sexta-feira, 30, a prefeitura recebeu 150 frascos de doses da coronavac. Todas foram aplicadas. Apesar da remessa, o número de doses ainda não é suficiente para imunização em Arapiraca. “Já informamos ao Estado a nossa necessidade pra regularizar a situação. Precisamos de mais de 6 mil doses”, contou.

A partir da próxima segunda-feira (3) uma etapa de vacinação será iniciada em Arapiraca. Dessa vez, pessoas com 58 anos e que tenham comorbidades elencadas pelo plano de imunização serão contempladas. Já na quarta-feira, dia 05, será a vez dos arapiraquenses com 57 anos e na sexta-feira, 07, os que tiverem 56 anos.

Segundo Mônica Suzy, as pessoas que se encaixem nesse grupo de vacinação precisam comprovar comorbidade através de laudo de exames, atestado médico ou receita médica. “Esses documentos são essenciais para que a imunização aconteça”, afirmou.

Para atender a demanda desse público, Arapiraca recebeu 3150 doses da astrazeneca. Os três postos de vacinação de Arapiraca funcionarão das 8h às 17h.

Confira abaixo a lista de comorbidades que fazem parte desta etapa de vacinação:

– Pessoas que vivem com HIV;
– Diabetes melitus;
– Pneumopatias crônicas graves;
– Hipertensão Arterial (que fazem uso de três ou mais medicamentos anti-hipertensivos);
– Doenças Cardiovasculares;
– Doenças Cerebrovasculares;
– Doença Renal Crônica;
– Imunossuprimidos;
– Anemia Falciforme;
– Obesidade Mórbida;
– Síndrome de Down;
– Cirrose Hepática.

Além dos documentos que comprovem as comorbidades, para receber a dose do imunizante é importante levar: RG, CPF, comprovante de residência e Cartão SUS atualizado.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados