Prefeito do Pilar, vice e secretários terão corte de 50% nos salários

Medida visa direcionar dinheiro para investimentos na saúde do Município

Prefeito do Pilar, vice e secretários terão corte de 50% nos salários

Medida visa direcionar dinheiro para investimentos na saúde do Município

Por | Edição do dia 3 de abril de 2020
Categoria: Coronavírus | Tags: ,,,


dfdf

Foto: Divulgação

O prefeito do Pilar, Renato Filho (PSC), enviou – na semana passada – uma proposta para que o salário dele, do vice-prefeito, Léo Lopes e dos secretários fossem reduzidos em 50% devido a pandemia do novo coronavírus. Nessa quinta-feira (2), o gestor anunciou que a medida de redução será colocada em prática. As prefeituras de Barra de Santo Antônio e Paripueira também adotaram medidas de corte de salários como alternativa ao combate do novo coronavírus.

Segundo explicou o prefeito, somente essa semana que a proposta foi aprovada pela Câmara. “A medida visa direcionar o dinheiro para investimentos na saúde que já uma área olhada com atenção pela minha gestão”, afirmou.

O gestor também explicou que a Câmara de Vereadores em acordo com a Prefeitura decidiu reduzir os custos na Câmara na proporção da queda da arrecadação, que isso inclui todas as verbas deles.

“A Câmara junto com a prefeitura vai reduzir os custos para garantir salários e aumento dos programas sociais para que possamos enfrentar juntos essa crise”, reforçou Renato.

Além da redução de salário, Renato também comprou R$ 32 mil em kits de higiene – álcool em gel, sabão, detergente e máscaras –  e entregou aos moradores mais carentes do Município e os que são grupo de risco.

Outra medida tomada pelo prefeito, é a higienização das ruas que está sendo feita diariamente. Na economia, o prefeito abriu crédito no Banco Pop na ordem de R$ 1 milhão para disponibilizar recursos para os comerciantes da cidade após a revogação do decreto de emergência.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados