Boa Tarde!, Sexta-Feira - 20 de Setembro de 2019

 

Pontapé inicial no Campeonato Alagoano

/ 11:59 - 19/01/2018


Elzir de Souza – Repórter

No dia 21 de janeiro a bola vai rolar em mais uma edição do Campeonato Alagoano. Em 2018 a competição vai contar com nove equipes participantes, misturando o equilíbrio na briga pelo título e na luta pelo rebaixamento. CRB e CSA são os grandes favoritos, enquanto ASA, Coruripe e Santa Rita correm por fora na luta pelo troféu. Quem pinta como surpresa é o Dimensão Saúde, atual campeão da segunda divisão. Já o CEO, CSE e Murici correm para não serem as vítimas do descenso.

Screenshot_20171101-171616

Para tentar o tetracampeonato, o CRB montou um novo time, com atletas experientes e de grande rodagem no futebol brasileiro. O atual campeão é o clube a ser batido na competição – com a maior folha salarial do campeonato – o Galo investiu pesado no elenco contratando o lateral Ayrton (ex-Flamengo), o meia Rafael Bastos (ex-Chapecoense) e o atacante Marcão (ex-Goiás), deixando com no mínimo dois jogadores para cada posição. O time regatiano espera não dar brecha para o lado azul na briga pelo título.

crb

Nesta temporada, o CSA esperar fazer frente ao seu principal adversário no Campeonato Alagoano. Com valores próximos aos que CRB vai ganhar durante este ano, como em cota de televisão, o Azulão conseguiu manter a base do time campeão da Série C e contratar alguns atletas que se destacaram em 2017 nos clubes que passaram, como meia Echeverría (ex-ABC) e o Atacante Leandro Kível (ex-ASA), grande conhecido do futebol nordestino.

csa

A principal contratação do ASA para 2018, foi na diretoria. O treinador de futebol Freitas Nascimento para assumir a diretoria técnica e a responsabilidade de ao lado do técnico Luiz Carlos montar uma nova equipe para fazer frente aos clubes da capital. O Alvinegro busca esquecer o rebaixamento no Campeonato Brasileiro da Série C em 2017, montando um novo elenco e apostando em jogadores que conhecem o futebol alagoano.

asa tec

Brigando para ser a quarta força e se juntar ao seleto grupo dos quatro times que vão para o duelo final. Coruripe e Santa Rita tem planejamentos distintos, o Hulk aposta em jogadores que já disputaram a competição como Edson Veneno, Jadilson e Sorim. Em contrapartida o time de Boca da Mata mescla juventude e experiência e esperar repetir as atuações de anos anteriores, onde figurou na fase decisiva. Quem pode pitar como surpresa da competição é o Dimensão Saúde, que contratou para  comandante Jaelson Marcelino, destaque por montar bons times. O time foi recrutado para a Cidade de Capela e promete surpreender.

coruripe 01
Três equipes entram no torneio para superarem a desconfiança, CEO, CSE e Murici prometem brigar até o fim da competição para superar as dificuldades financeiras que quase combinou com a não manutenção da equipe no campeonato. O representante de Olho d’Água das Flores prometeu aos torcedores em 2018 uma equipe para ficar distante da zona de rebaixamento. Já CSE e Murici ameaçaram não participar do alagoano, mas através de muitos esforços conseguiram reunir os municípios em prol do clube. Montado às pressas, o campeão alagoano de 2010 tenta não pagar a dívida com o pecado do rebaixamento.

murici


Comentar usando