Polícia informa que testemunha reconhece o suspeito da chacina

Identificado como o “homem que segurava o facão”, foi preso no município de Maragogi

Por | Edição do dia 11 de novembro de 2015
Categoria: Blog, Notícias | Tags:


No início desta tarde (11), a polícia Civil, em entrevista coletiva, informou que uma testemunha da chacina reconheceu o suspeito do crime, que foi identificado como Charles dos Santos Muniz, de 25 anos, o “homem que segurava um facão” no sítio em Guaxuma, onde aconteceu o assassinato de quatro pessoas de uma família, no último domingo.

Segundo informações da polícia, o suspeito negou o envolvimento e informou que viu duas pessoas no local. A apuração da investigação mostra que Charles Muniz teria executado a família e, o irmão, guardava uma motocicleta no momento do crime. O acusado foi encontrado e preso no município de Maragogi, já seu irmão está foragido.

Charles Muniz apresentava hematomas pelo corpo quando foi preso e, o mais evidente era um corte no peito, que foi feito por um facão.

Os delegados da investigação apontam com motivação da chacina seria uma possível desavença no bairro em que as vítimas moravam, o bairro da Pescaria.

 

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados