Polícia Civil identifica autor de ameaças contra pastora evangélica

Suspeito será indiciado por ameaça, intolerância religiosa e homofobia

Polícia Civil identifica autor de ameaças contra pastora evangélica

Suspeito será indiciado por ameaça, intolerância religiosa e homofobia

Por Redação* | Edição do dia 21 de dezembro de 2021
Categoria: Polícia | Tags: ,,,


A Polícia Civil de Alagoas identificou o autor das ameaças contra a pastora Odja Barros, da Igreja Batista de Maceió, alvo de ameaças feitas por meio das redes sociais, após a celebração religiosa de um casamento homoafetivo entre duas mulheres. Segundo a PCAL, o suspeito é um jovem de 25 anos que mora na capital alagoana. A informação foi divulgada nesta terça-feira (21), pela delegada Luci Mônica, responsável pelo caso.

Nas primeiras horas da manhã, a delegada cumpriu mandados de buscas e apreensão, autorizadas pelo juiz Carlos Pita, da 3ª Vara Criminal, mas nada foi apreendido nos endereços visitados. O suspeito também não foi encontrado.

A ação policial foi realizada por equipes do 9º Distrito da Capital, com o apoio da Operação Policial Litorânea Integrada (Oplit).

Segundo Luci Mônica, a identificação do suspeito foi possível, após representação (consulta) feita ao Instagram e confirmada por uma empresa telefônica, quanto ao número utilizado pelo acusado para fazer as ameaças.

Foto: Reprodução

A delegada disse que o caso está solucionado a partir a identificação do acusado, e que continuará realizando diligências para encontrá-lo e conduzi-lo à delegacia para ser interrogado.

Luci Mônica revelou que para identificar o suspeito teve a colaboração da equipe da Delegacia de Crimes Cibernéticos, ligada à Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic).

Ela adiantou ainda que, ao final do inquérito, o suspeito será indiciado por crimes de ameaça, intolerância religiosa e homofobia.

Conforme as investigações, nas mensagens enviadas à pastora, um homem, que diz ser religioso, a ameaça de morte e chega a dizer que vai atirar na cabeça dela. Ele também chegou a enviar uma foto de uma arma ao lado de uma Bíblia.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados