PF investiga rede de pedofilia em Alagoas

Por | Edição do dia 28 de setembro de 2015
Categoria: Artigos | Tags: ,


17_57_08_658_fileA Polícia Federal suspeita que em Alagoas exista uma rede de pedofilia. A PF, em parceria com a Polícia Civil (PC) vai investigar o caso. Os indícios da rede criminosa vieram à tona após a prisão de Denivaldo da Rocha Melo, de 48 anos, acusado de pedofilia. Denivaldo é investigado por compartilhar e gravar vídeos e armazenar fotos com conteúdo infantil. A prisão do acusado foi registrada na última quarta-feira (23).

De acordo com o superintendente da PF em Alagoas, Bernardo de Torres, a Polícia Civil participará da segunda fase das investigações para buscar indícios e provas que constatem a existência do esquema criminoso.

“Da mesma forma que essa pessoa foi presa, mantendo e compartilhando materiais dessa natureza, outras pessoas também tem acesso a esses materiais”, afirmou.

O diretor adjunto da PF, delegado André Costa, afirmou que foram muitos vídeos encontrados com o acusado. “Foram milhares de arquivos entre fotos e vídeos descobertos. Tanto que circulam pela internet, quanto produzidos pela pessoa que foi presa. Por enquanto, podemos dizer que mais de uma dezena de crianças foram vítimas deste crime, mas estamos em busca de mais informações”, disse.

Os agentes policiais agora buscam ouvir os depoimentos dos pais das crianças que foram vítimas do crime de pedofilia para saber se a mesma pessoa é a responsável por todos os delitos.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados