Pedro Vilela e Rodrigo Cunha defendem projeto nacional do PSDB para 2022

Pedro Vilela e Rodrigo Cunha defendem projeto nacional do PSDB para 2022

Por Assessoria | Edição do dia 12 de fevereiro de 2021
Categoria: Notícias, Política | Tags: ,,,,


Foto: Assessoria

O deputado Pedro Vilela e o senador Rodrigo Cunha participaram, na quinta-feira, 10, de uma reunião de tucanos em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, liderada pelo governador do estado, Eduardo Leite. Segundo Cunha, que preside o PSDB de Alagoas, “a ideia deste encontro foi sinalizar para o Brasil que o nosso partido pode liderar um projeto nacional de reconstrução de um centro político propositivo e democrático e que direcione a estruturação de agendas nacionais estratégicas e estruturantes”.

“O PSDB tem a natural vocação para o diálogo e pode ser um agente vital para modelar um novo paradigma político de centro e fazer a sociedade brasileira perceber que este é o melhor caminho para nosso país. Este encontro foi o ponto de partida para algumas andanças que o Eduardo e integrantes do partido farão pelo Brasil, mostrando que o PSDB tem um projeto de nação verdadeiro”, reforçou o senador.

“Eduardo (governador do RS) é um quadro importante do PSDB, tem feito uma administração com sensibilidade social e austeridade fiscal, e pode ser um nome que leve os tucanos ao consenso para a eleição presidencial em 2022”, destacou o deputado Pedro Vilela, sinalizando que a comitiva não foi ao Rio Grande do Sul para fechar questão numa possível candidatura de Eduardo Leite à presidência do Brasil. “Fomos conhecer de perto o trabalho de excelência que um tucano está desenvolvendo em seu estado”, enfatizou o parlamentar.

Segundo Pedro, o PSDB é um partido que tem estabilidade política, bons quadros técnicos, e que já demonstrou no país e em vários estados, a exemplo agora de Eduardo Leite no Rio Grande do Sul, que sabe governar “com responsabilidade pública e compromisso social”. Participaram do encontro os deputados Paulo Abi-Ackel (MG), Lucas Redecker, Daniel Trzeciak, Adolfo Viana (Bahia), Célio Silveira (Goiás), Edna Henrique (Paraíba), Eduardo Barbosa (Minas Gerais), Geovânia de Sá (Santa Catarina), Otávio Leite (RJ), Pedro Cunha Lima (Paraíba), Pedro Vilela (Alagoas), Bia Cavassa (Mato Grosso do Sul) e Mariana Carvalho (Rondônia), além do senador Rodrigo Cunha (AL).

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados