Patrimônio Vivo de Alagoas, Mestre Maria Flor morre aos 88 anos

Mestra era referência no Guerreiro alagoano, consagrada como a rainha do guerreiro no Estado

Por | Edição do dia 10 de dezembro de 2018
Categoria: Cultura | Tags: ,,,,


Dona Flor foi reconhecida como Mestre do Patrimônio Vivo de Alagoas desde 2009A mestra do Guerreiro Maria Flor dos Santos, popularmente conhecida como Dona Flor – “Senhora dos Anéis” – , faleceu na madrugada desta segunda-feira (10), aos 88 anos. A causa da morte não foi divulgada pela família. Mestra Maria Flor era considerado Patrimônio Vivo de Alagoas pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), desde 2009.

Sempre lembrada por estar sempre cheia de enfeites brilhantes e coloridos. Muitas pulseiras, colares e brincos, roupas de cores vibrantes e vistosas, unhas e lábios sempre pintados de vermelho, detalhes que sempre remeteram a Maria Flor, uma autêntica rainha, dentro e fora do guerreiro.

Começou a dançar aos dez anos na casa de seus pais e muito nova foi Estrela de Ouro e Rainha. Costumava dizer que a coisa melhor do mundo é o guerreiro. Dona Flor participou do projeto “Mestre na Escola”, da Secretaria de Estado da Educação, criando, junto com o mestre Juvenal Leonardo, o belíssimo “Guerreiro das Artes”, no Núcleo de Extensão Artístico, do CEPA.

Em 2009, foi considerada Patrimônio Vivo, pela lei de Registro do Patrimônio Vivo de Alagoas, assumindo o compromisso de repassar o saber e o fazer da nossa cultura popular as novas gerações, sempre com o objetivo de preservar e divulgar o folclore alagoano.

Mellina Freitas, titular da Secult, lamenta a morte de Maria Flor. “A cultura alagoana perde uma das flores. Maria Flor dos Santos, a Dona flor, deixa uma lacuna entre os mestres da cultura popular. A rainha de Guerreiro será para sempre lembrada por sua alegria, vibração e amor às nossas tradições. Meu profundo pesar a todos os amigos e familiares”, disse.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados