Passageiros podem recarregar cartão Bem Legal pelo celular

Passageiros podem recarregar cartão Bem Legal pelo celular

Por | Edição do dia 22 de agosto de 2016
Categoria: Maceió, Notícias | Tags: ,,,,,


A partir de hoje (22), os passageiros de ônibus do Sistema Integrado de Mobilidade de Maceió (SIMM) que já possuem o cartão Bem Legal Cidadão e Escolar, poderão contar com o aplicativo da Rede Ponto Certo de venda de créditos via celular. Disponível para dispositivos Android e iOS, o recurso é uma alternativa para quem não quer sair de casa.

Para utilizar a mais nova ferramenta, os portadores de smartphones ou tablets Android e iOS deverão fazer download do aplicativo na  Play Store ou App Store. Com o aplicativo instalado, os usuários devem fazer um cadastro pessoal com nome, e-mail, senha, CPF e data de nascimento, podendo logo em seguida já efetuar recargas pagando com cartão de crédito ou débito. Será cobrada uma taxa de conveniência no valor de uma tarifa vigente, ou seja R$ 3,15.

O usuário poderá salvar as informações do seu cartão Bem Legal para que elas não precisem ser inseridas sempre que for fazer uma recarga. As recargas feitas até 16h estarão disponíveis no Bem Legal já na manhã do dia seguinte. Após as 16h, as recargas realizadas estarão disponibilizadas em até 48 horas úteis, devido ao período que o sistema leva para processar o pagamento.

“Com a ferramenta, os passageiros terão a comodidade de efetuar recargas em seu cartão Bem Legal sem precisar sair de casa e tendo a facilidade de pagar com cartão de crédito e débito. Além deste benefício, os usuários do transporte público podem fazer a recarga em pontos de venda nos estabelecimentos comerciais como mercearias e farmácias de bairros, além dos postos fixos do Cartão Bem Legal”, destaca o superintendente da SMTT, Dário César Barbosa.

O gestor do órgão lembra ainda que o cartão Bem Legal é necessário para que as pessoas possam usufruir da integração temporal que já existe entre diversas linhas da cidade.

“Com o Cartão Bem Legal de qualquer tipo, o passageiro pode pegar gratuitamente uma segunda linha que integra com a primeira no prazo de uma hora e meia, respeitando o sentido de direção previsto para a integração”, explica Dário César.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados