Participantes do Programa Ambulante Legal fazem cadastro para receber auxílio emergencial

A ajuda visa minimizar os impactos provocados pelo novo coronavírus

Participantes do Programa Ambulante Legal fazem cadastro para receber auxílio emergencial

A ajuda visa minimizar os impactos provocados pelo novo coronavírus

Por | Edição do dia 9 de abril de 2020
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,


IMG-20200409-WA0056Os participantes do Programa Ambulante Legal receberam nesta quarta-feira (09) orientações sobre como se cadastrar para ter acesso ao benefício do auxílio emergencial ofertado pelo Governo Federal, que destinou uma verba de R$ 600,00 visando minimizar os impactos provocados pelo novo coronavírus.

O programa, idealizado pelo vereador Francisco Sales (PSB), é formado por trabalhadores informais que circulam diariamente dentro dos ônibus em Maceió. Para o parlamentar, é importante ajudar ao trabalhador informal quanto ao recebimento da verba, já que com o isolamento social sua renda ficou totalmente comprometida.

“Adotamos todas as medidas para evitar aglomeração e conseguimos reunir a primeira parte do grupo para fazer o cadastro de quem não tem acesso à internet ou sente qualquer tipo de dificuldade em fazer o seu cadastro, garantindo assim que todos possam receber o quanto antes esse valor de R$ 600,00”, disse Francisco Sales.

Além das orientações, os ambulantes ainda puderam realizar no local o cadastro e acompanhar a situação da solicitação, que já havia sido feita. Integrante do programa, Leywisson Silva, destacou que o momento foi muito produtivo tendo em vista que muitos ambulantes estavam com dúvidas sobre o recebimento, principalmente quanto ao cadastro no Cadúnico, que permite o recebimento de verba dos programas do Governo Federal.

“Nós temos em nosso grupo muitas pessoas que estavam com dúvidas, de como iria receber, como fazer o cadastro e também aqueles que não sabem baixar o aplicativo e fazer sozinho. Hoje conseguimos trazer uma parte e vamos continuar repassando essas informações até que todos já tenham o cadastro e possam receber o dinheiro”, contou Leywisson Silva.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados