PAA estimula agricultura familiar em Murici

PAA estimula agricultura familiar em Murici

Por | Edição do dia 22 de novembro de 2018
Categoria: Notícias


 

Uma conquista comemorada pelo vice-prefeito e secretário municipal do Meio Ambiente, Agricultura e Serviços Urbanos (SEMASU), Deivinho Vasconcelos, foi a adesão do município de Murici ao Programa Estadual de Aquisição de Alimentos – PAA, do Governo de Alagoas por meio da Emater, que tem como objetivo apoiar a agricultura familiar por meio da aquisição da produção dos pequenos agricultores locais.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O município aderiu ao Programa em setembro deste ano. Desde então, o PAA beneficia 54 famílias muricienses de diferentes assentamentos, responsáveis pelo cultivo de frutas, verduras, legumes e tubérculos. Parte desses alimentos são adquiridos pelo Programa e entregues para distribuição direta às famílias cadastradas nos programas sociais da Secretaria Municipal de Assistência Social. Semanalmente são adquiridos de 15 a 20 toneladas de alimentos direto do campo.

“Essa iniciativa estimula a agricultura familiar, fortalece e incentiva o pequeno agricultor. A implantação do PAA em nosso município vem permitindo uma qualidade de vida melhor tanto para quem produz, como para quem recebe e WhatsApp Image 2018-11-22 at 15.37.19consome esses alimentos”, destaca o secretário Deivinho. Já o prefeito Olavo Neto ressalta a importância do PAA no município. “Ganha quem produz e ganha quem se beneficia dessa produção. Isso faz com que o agricultor tenha a certeza de que boa parte do que ele plantar terá um destino certo, que é a mesa das famílias mais carentes”.

O teto anual para o município é de 54 agricultores inseridos no Programa, sendo que o valor comercial máximo para cada produtor é de R$ 6.500 ao ano. Para participar do PAA, os produtores precisam ter a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) e se cadastrar na sede da SEMASU.

O que é o PAA

O Programa Estadual de Aquisição de Alimentos é uma das ações do combate à miséria em Alagoas, garantindo o acesso a alimentos em quantidade e regularidade necessárias às populações em situação de insegurança alimentar e nutricional. O PAA visa também contribuir para formação de estoques estratégicos e permitir aos agricultores familiares que armazenem seus produtos para que sejam comercializados a preços mais justos, além de promover a inclusão social no campo.

 

Texto e foto: Ascom/Murici

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados