Outubro Rosa: Equatorial Alagoas realiza doação de lenços e cabelos para mulheres que lutam contra o câncer de mama

Campanha de responsabilidade social, que mobilizou colaboradores de toda a Distribuidora, beneficiou a Associação Estadual de Pessoas com Câncer (APECAN)

Outubro Rosa: Equatorial Alagoas realiza doação de lenços e cabelos para mulheres que lutam contra o câncer de mama

Campanha de responsabilidade social, que mobilizou colaboradores de toda a Distribuidora, beneficiou a Associação Estadual de Pessoas com Câncer (APECAN)

Por Assessoria | Edição do dia 29 de outubro de 2021
Categoria: Alagoas | Tags: ,,,,


Um toque de esperança e cuidado. Com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento sustentável, sem abrir mão de garantir excelência na gestão, a Equatorial Alagoas abraçou a causa do Outubro Rosa, mês de conscientização e combate ao câncer de mama. Nesta sexta-feira (29), a Distribuidora realizou a doação de lenços e cabelos para mulheres assistidas pela Associação Estadual de Pessoas com Câncer (APECAN), localizada no bairro do Jaraguá, em Maceió.

Mais conhecida como Casa Rosa, a organização sem fins lucrativos trabalha desenvolvendo ações para a promoção e apoio na prevenção do câncer de mama e câncer do colo do útero em Alagoas. O espaço conta com um brechó de roupas, calçados e acessórios que são vendidos a preços populares. O valor da venda é revertido para o funcionamento da instituição que, atualmente, sobrevive com a ajuda de doações.

Arrecadação mobilizou colaboradores

Durante todo o mês de outubro, colaboradores da Equatorial Alagoas angariaram lenços e mechas de cabelos em prol da causa. Giullyane Matos, presidente da APECAN, não conseguia esconder a felicidade ao receber a doação.

Na oportunidade, a ativista elogiou a iniciativa da Distribuidora e afirmou que os tecidos coloridos e as madeixas resgatam a autoestima de pacientes que sofrem com um dos efeitos colaterais mais temidos do tratamento contra o câncer: a perda dos fios. Ela explica que, para a confecção de uma peruca, é necessário, em média, 1kg de cabelo.

“Essa doação é motivo de muita alegria e gratidão para nós. Só quem luta diariamente contra a doença sabe o significado de tudo isso. Que a Equatorial sirva de exemplo e inspire as outras empresas a fazerem o mesmo”.

Solidariedade que ajuda a transformar vidas

A analista de comunicação e sustentabilidade da Equatorial Alagoas, Anne Caroline Bomfim, conheceu as instalações da Casa Rosa e explicou um pouco sobre as ações de responsabilidade social que têm sido realizadas pela Distribuidora.

“Além de buscar prestar um serviço de qualidade e excelência aos alagoanos, a Equatorial também está comprometida em transformar vidas”, resumiu. Ela aproveitou a oportunidade para aderir à campanha interna da Distribuidora e também doou mechas de cabelos para a instituição.

Paula Solano, analista de marketing, também fez o mesmo. Ela estava há quase dois anos sem cortar as madeixas.

“Estava programando para cortar o cabelo em agosto, mas quando soube da campanha, decidi aguardar mais um pouco e fazer o corte em outubro. Mais do que mudar o visual, saber que o meu cabelo vai aumentar a autoestima de uma paciente em tratamento não tem preço”, enfatiza. O corte foi realizado, voluntariamente, pela cabeleireira Paula Quintanilha. A profissional explica que é preciso um corte de comprimento maior que um palmo (ou 20 cm) para doação. Também é possível doar cabelos tingidos.

Os interessados em conhecer mais sobre o trabalho da Casa Rosa (APECAN) podem visitar a instituição, pessoalmente, todos os dias, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

 

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados