Operação prende três pessoas foragidas por roubo, homicídio e estupro no Sertão

Operação prende três pessoas foragidas por roubo, homicídio e estupro no Sertão

Por Ascom PC AL | Edição do dia 1 de maio de 2020
Categoria: Notícias, Polícia | Tags: ,


Foto: Reprodução

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Regional de Delmiro Gouveia (1ª DRP), coordenada pelo delegado Daniel Mayer, após investigações, deflagrou nesta quinta-feira (30) uma operação para prender pessoas envolvidas em crimes no Sertão alagoano que estavam foragidas.

Uma das prisões foi do responsável pelo homicídio qualificado que matou Arnaldo José da Silva, crime ocorrido em 3 de outubro de 1999, cujo autor estava foragido desde o ano 2000. A vítima foi assassinada com golpes de barra de ferro. A motivação teria sido por vingança, em razão de um homicídio que teria sido cometido pela vítima anteriormente.

O delegado disse ainda que outra prisão foi a de um suspeito de ter estuprado uma criança de apenas 10 anos de idade, no dia 30 de outubro de 2011, e que estava foragido e levando uma vida normal desde então no município de Flores, no interior do estado de Pernambuco. “A vítima era enteada do autor”, frisou a autoridade policial.

O titular da Regional informou também que a terceira prisão, dos crimes praticados no município de Delmiro Gouveia, teve como fundamento o roubo de uma caminhonete Hilux, fato ocorrido em 03 de março de 2017, e o crime foi praticado com armas e em suposta associação criminosa.

“Todas as prisões foram estudadas e realizadas pela equipe da 1ª Delegacia Regional de Delmiro Gouveia, da Polícia Civil de Alagoas, e, no momento das prisões, contou com o apoio das Polícias Civil e Militar de Pernambuco”, concluiu o delegado Daniel Mayer.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados