Operação prende traficantes de armas no agreste alagoano

Operação Hefesto flagrou comércio de armas, munições e drogas em Palmeira dos Índios e Estrela de Alagoas

Operação prende traficantes de armas no agreste alagoano

Operação Hefesto flagrou comércio de armas, munições e drogas em Palmeira dos Índios e Estrela de Alagoas

Por Redação* | Edição do dia 3 de março de 2021
Categoria: Notícias, Polícia | Tags: ,


Nesta quarta-feira (03) a Secretaria de Segurança Pública (SSP) deflagrou a Operação Hefesto, que uniu as Polícias Militar e Civil com o objetivo de combater o comércio de armas e munições nos municípios de Palmeira dos Índios e Estrela de Alagoas. O nome da operação faz referência ao deus grego do fogo e dos metais.

A operação é resultado do fruto de investigação da Divisão Especial de Investigações e Capturas (DEIC), realizada de forma integrada com o 10º Batalhão da Polícia Militar (BPM) e da 4ª Companhia Independente da Polícia Militar.

Com base em provas técnicas, apresentadas pela DEIC, a 17ª Vara Criminal da Capital, expediu oito mandados de busca e apreensão nos municípios que foram cumpridos nas primeiras horas da manhã.

Durante o cumprimento dos mandados, três homens, de 20, 44 e 53 anos, foram presos e conduzidos para a Delegacia Regional de Palmeira dos Índios para os devidos procedimentos legais.

Ainda durante a operação, houve flagrantes de porte e posse ilegal de arma de fogo e de tráfico de drogas. Duas espingardas não raiadas, um revólver calibre 38, seis munições de calibre 38 e 14 bombinhas de maconha também foram apreendidas e levadas à delegacia.

Para o cumprimento dos mandados durante a operação, coordenada pelo Comando do CPAI – II e pelo Comando do 10º BPM, foram empregados policiais militares do 10° Batalhão e 4ª Companhia Independente.

A população é grande parceira das forças de segurança no combate ao crime em Alagoas e pode contribuir com o trabalho das polícias realizando denúncias sobre homicídios, tráfico de drogas, roubos, organizações criminosas e outros crimes por meio do Disque Denúncia. As informações podem ser repassadas, de forma anônima e gratuita, por meio de ligações para o 181.

*Com assessoria

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados