Operação da policial procura vereador suspeito de comandar crimes no Sertão

Durante ação, é encontrado na residência dele um buraco cheio de armas e munições

Por | Edição do dia 11 de novembro de 2015
Categoria: Blog, Notícias | Tags:


Vereador acusado por comandar crimes Foto: Divulgação/ MPE

Vereador acusado por comandar crimes
Foto: Divulgação/ MPE

Em uma operação da polícia realizada no Sertão do estado nesta quarta-feira (11), foi encontrado um buraco que continha armas e munições, em uma residência do vereador do município de Major Izidoro, Rousseau Araújo Vitorino. O vereador está foragido e é suspeito por ser mandante de crimes que aconteceram no Sertão do estado.

Durante a ação, a esposa do suspeito foi presa. A operação contou com a participação das polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal, além do apoio do Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc) do Ministério Público de Alagoas (MPE).

A força da Segurança Pública cumpre 16 mandatos de busca e apreensão que foram expedidos pela 17ª Vara Criminal. Onze suspeitos já foram presos, um deles morreu em confronto com agentes. Os presos teriam envolvimento com homicídios que ocorreram nas cidades de Arapiraca, Batalha e Major Isidoro, Sertão alagoano.

Entre as pessoas que foram presas, está o dentista Alberto Bezerra Lima, preso no município de Batalha. Segundo o Gecoc, ele é considerado um dos principais mandantes dos crimes.

Nas apreensões, além de armas e munições, foram encontrados uniformes policiais, balaclavas, cheques e dinheiro.

Ainda segundo informações do Gecoc, a organização criminosa é formada para agir por políticos e empresários da região, para matar traficantes e “resolver” discordâncias políticas. Os presos foram encaminhados para as Delegacias Regionais do Ministério Público do Estado de Alagoas.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados