Nota de pesar pelo falecimento de Luiz Carlos Barreto, diretor do Primeira Edição

Por | Edição do dia 24 de junho de 2020
Categoria: Sem categoria


Como a vida nos prega peças. Hoje ficamos com um vazio no peito, sufocados com essa partida intempestiva! Quem diria que Luiz Carlos Barreto nos deixaria tão cedo! Como diz a música: “Nem sei porque você se foi, quantas saudades eu senti, e de tristezas vou viver, e aquele adeus, não pude dar”. Tim Maia soube com essa música descrever tão bem o sentimento que temos diante dessa perda grande, com o falecimento repentino de Luiz Carlos Barreto, nosso estimado e grande amigo!

Nesta terça-feira, 23, o diretor do jornal Primeira Edição Luiz Carlos Barreto Góes, foi mais uma vítima desse vírus tão perigoso que nos assombra, o novo Coronavírus. Familiares divulgaram, na noite de hoje, uma nota de pesar: “Estamos de luto. A Covid-19 tirou Luiz do nosso convívio”. Debilitado, ele estava internado no Hospital Vida, em Maceió, onde veio a falecer

Não pudemos dizer adeus a esse amigo tão presente nas nossas vidas. Quem convivia com ele sabia o tanto que era compromissado com a informação! A imprensa alagoana perde um dos grandes nomes da comunicação.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados