No primeiro mês de atuação, Ronda no Bairro registra queda de 86% dos homicídios no Benedito Bentes

Os casos de homicídios caíram 86% e não houve registros de roubos de veículos e nem em transporte coletivo dentro da área de atuação

No primeiro mês de atuação, Ronda no Bairro registra queda de 86% dos homicídios no Benedito Bentes

Os casos de homicídios caíram 86% e não houve registros de roubos de veículos e nem em transporte coletivo dentro da área de atuação

Por Redação* | Edição do dia 11 de janeiro de 2022
Categoria: Maceió, Polícia | Tags: ,,


Em um mês de atuação no Benedito Bentes, o Programa Ronda no Bairro registrou uma queda de 86% nos homicídios do bairro e não teve registros de ocorrência de roubos de veículos e em transportes coletivos. Os números representam uma comparação entre os dados do Núcleo de Estatística e Análise Criminal (NEAC), da Secretaria de Estado da Segurança Pública, registrados ao longo do mês de novembro de 2021 e o levantamento recente da Central de Atendimento e Despacho (CAD), também da SSP/AL, já cobrindo a atuação do Programa em dezembro.

Diariamente, das 6h às 14h30 e das 14h30 às 22h30, sete guarnições por turno realizam o policiamento de proximidade na região, que é a quarta localidade a receber o Ronda no Bairro. São três patrulhas a pé, as chamadas POs, duas em motos e duas em viaturas, além do apoio do 5º Batalhão de Polícia Militar, zelando pela proteção humana e patrimonial num dos bairros mais populosos da capital alagoana. Ao todo são quase 20 agentes de proximidade por turno.

“Os resultados nos deixam gratificados e com a certeza de que vamos atingir nossos objetivos, que é garantir sensação de segurança e tranquilidade às áreas delimitadas de atuação do Ronda no Benedito Bentes, experiência já vivida nos outros territórios”, declara o superintendente do Ronda no Bairro, coronel Cícero Silva. “Mas, devemos destacar sempre que os nossos agentes de proximidade atuam em conjunto com as demais forças de segurança de Alagoas e, no Benedito Bentes, nosso parceiro principal é o 5º Batalhão da PM”, completa.

Além dos casos de homicídios e assaltos em ônibus, outros dados também chamam a atenção. Os roubos a transeuntes, os assaltos à mão armada, foram reduzidos em 81%, e o roubo ao comércio local diminuiu para 50%.

*Com assessoria

 

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados