Neuroproteção é destaque nas comemorações do Novembro Roxo do Hospital Veredas

Neuroproteção é destaque nas comemorações do Novembro Roxo do Hospital Veredas

Por Assessoria | Edição do dia 12 de novembro de 2020
Categoria: Maceió, Notícias | Tags: ,,,


Foto: Divulgação

Novembro roxo é dedicado à sensibilização em favor dos prematuros e será comemorado pela equipe da UTI Neonatal do Hospital Veredas com ações durante todo o mês, que reforçam a importância da neuroproteção para os pequenos, inclusive no dia 17, dia mundial da prematuridade.

A pediatra e coordenadora da UTI Neonatal do Veredas, Magna Duarte, reforça a importância de trabalhar o tema entre profissionais e familiares dos pacientes.

“A neuroproteção consiste em estratégias desenvolvidas para minimizar os efeitos do nascimento prematuro para os bebês, já que eles saíram do útero, que é sua capa protetora, antes do tempo. Então vamos ter aula e outras ações onde iremos destacar: amamentação, humanização, método canguru e preservação do sono, que são cruciais para o desenvolvimento cerebral dos bebês”, orienta a pediatra.

Programação – De acordo com o cronograma da equipe multidisciplinar envolvida, a qual abrange profissionais das áreas de Medicina, Enfermagem, Fisioterapia, Psicologia e inclusive a Administrativa, a programação inclui três palestras com convidados especiais.

A primeira acontece nesta quinta-feira 12, com a Fisioterapeuta Laíssa Tatajuba, Mestre em Ensino na Saúde pela Famed-Ufal, com o tema “Importância do aleitamento materno para neuroproteção”, às 20h, por meio de plataforma digital.

E no dia 17 mais duas palestras via plataforma virtual. A primeira, com o tema Prematuridade, às 16h, com a pediatra intensivista e Mestre em Saúde da Criança/Unifesp, Dra. Junko Asakura. À noite, a partir das 20h, teremos a pediatra e neonatologista Sirmani Melo Frazão, Mestre em Ensino na Saúde pela Famed-Ufal e Coordenadora Estadual do Método Canguru pela Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas (Sesau) com o questionamento: “Estamos cuidando do cérebro dos nossos bebês?”.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados