Boa Tarde!, Terça-Feira - 21 de Janeiro de 2020

 

Mulher se passa por corretora e aplica golpes do “Minha Casa, Minha Vida”

Ascom PC / 5:16 - 17/01/2017

A estelionatária foi presa em Arapiraca; de acordo com investigações, ela pedia dinheiro em troca da garantia de sorteio da vítima


Foto: Ascom PC

Foto: Ascom PC

Em Arapiraca, a Polícia Civil prendeu uma mulher suspeita de aplicar golpes usando o programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal. De acordo com as investigações, ela pedia dinheiro em troca da garantia de que a vítima seria sorteada no programa.

De acordo com informações da PC, na tarde desta terça-feira (17), agentes da 4ª DRP e do 54º DP de Arapiraca receberam denúncias que a estelionatária Maria Mônica dos Santos, de 41 anos, estava se passando por corretora e extorquindo seus clientes, afirmando ser credenciada da Caixa Econômica Federal. Ela aplicava golpes semelhante aos que fazia na cidade de Coruripe.

Mônica pedia dinheiro às vítimas para “adiantar” os financiamentos. O golpe consistia na vantagem em ter a preferencia no financiamento da casa própria pelo plano ‘Minha Casa, Minha Vida’. Após captar o dinheiro, a estelionatária, que é reincidente, passava a ameaçar os que reclamavam por o financiamento não ser efetivado.

No momento da prisão, a autora portava diversos documentos de pessoas e comprovantes de depósito em sua conta, feito pelas vítimas que caíram no golpe.

Foto: Ascom PC

Foto: Ascom PC

Segundo os levantamentos feitos pela Polícia Civil, Maria Mônica dos Santos já foi presa na cidade de Coruripe por aplicar o mesmo golpe, possuindo diversas queixas de clientes, incluindo seis inquéritos policiais, devido a irregularidades na venda de lotes.

De acordo com o delegado Gustavo Xavier, o caso deverá ser investigado pela Delegacia Regional de Arapiraca, pois a estelionatária aplicou o golpe nas mais diversas áreas de Arapiraca. Ele solicita que as vítimas compareçam na 4ª DRP para o registro da ocorrência de mais vítimas do golpe.


Comentar usando