Mulher é indiciada por divulgar suposta montagem do prefeito Júlio Cezar

Segundo o delegado Thiago Prado, as investigações policiais apontaram para ex-companheira do prefeito

Por | Edição do dia 11 de fevereiro de 2019
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,,


Julio Cezar

Julio Cezar

A Polícia Civil de Alagoas informou nesta segunda-feira (11) que indiciou Simonica Alves Silva pelo crime de vingança cibernética. A suspeita é ex-companheira do prefeito de Palmeira dos Índios , Júlio Cézar, que teve divulgada uma foto íntima sua no dia 01 de dezembro de 2018.

Na época da divulgação de uma foto de Júlio suspostamente nu em frente ao espelho, o gestor alegou ter sido vítima de uma montagem e cobrou uma investigação severa por parte das autoridades.

Segundo o delegado Thiago Prado, as investigações policias apontaram para ex-companheira do prefeito.

O crime previsto no artigo 218-C do Código Penal, conhecido como ‘vingança pornográfica’, prevê pena de até cinco anos de prisão.

Portal Todo Segundo tentou entrar em contato com Simonica Alves , mas não obteve resposta. Até o fechamento desta matéria, o prefeito de Júlio Cezar não tinha se pronunciado sobre o assunto.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados