MP realiza audiência sobre alunos prejudicados em autoescolas de Maceió

MP realiza audiência sobre alunos prejudicados em autoescolas de Maceió

Por | Edição do dia 1 de outubro de 2018
Categoria: Maceió, Notícias | Tags: ,,


post-minimo-aulas-diurnas

Uma audiência será realizada na próxima terça-feira (02) para esclarecer a denúncia feita por alunos que foram prejudicados pela suspensão das atividades de uma autoescola em Maceió. Fatos como esse foram relatados pela equipe do O DIA+, quando alguns usuários denunciaram a empresa Direplan, localizado no bairro do Pinheiro,  alegando que proprietários suspenderam as aulas e não fizeram a devolução do dinheiro.

O presidente do Sindicato do Centro de Formação de Condutores de Alagoas (SindCFC-AL), João Batista, participará da audiência que acontece às 10h, no Ministério Público Estadual. Para ele, muitas pessoas já foram prejudicadas com o fechamento de autoescolas que, por cobrarem muito abaixo do valor, não tinham como sustentar os custos do serviço.

Um estudo custeado pelo sindicato, em parceria como o Sebrae/AL, em 2015, calculou que o preço da habilitação, em uma única categoria, deveria ser entre R$ 1.260 e R$ 1.750. O Detran/AL publicou, também em 2015, a portaria nº 1982/15, norteia o preço a ser cobrado pela prestação do serviço.

O representante da entidade sindical se preocupa com a situação e orienta as empresas credenciadas como proceder com seus clientes.

“Não medimos esforços, juntamente com o DETRAN-AL, para conscientizar, orientar, esclarecer e ajudar a todas as empresas integrantes da categoria sobre a necessidade de aprimorar suas condutas e prestar um serviço de excelência”, disse João Batista.

Uma campanha lançada pelo SindCFC/AL, na Semana Nacional do Trânsito, tem como tema “O barato sai caro” que visa orientar a população sobre os critérios na escolha de um Centro de Formação de Condutores (CFC). A iniciativa pretende evitar prejuízo as pessoas que adquirirem os serviços para retirara a CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados