Movimentação política em Rio Largo aponta que eleição não contará com oposição unida

O atual prefeito, Gilberto Gonçalves (PP), busca a reeleição no próximo pleito municipal

Movimentação política em Rio Largo aponta que eleição não contará com oposição unida

O atual prefeito, Gilberto Gonçalves (PP), busca a reeleição no próximo pleito municipal

Por Redação, com Assessoria | Edição do dia 13 de julho de 2020
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,


Gilberto Gonçalves

A cidade de Rio Largo, na região metropolitana de Maceió, vive um período de questionamentos quanto à eleição municipal deste ano. O atual prefeito, Gilberto Gonçalves (PP), busca a reeleição e os passos dados pela oposição estão seguindo caminhos distintos.

De acordo com o boletim da Secretaria de Estado da Saúde (SESAU) do dia 12 de julho, Rio Largo conta atualmente com 862 casos confirmados da Covid-19, sendo o quinto maior índice do estado. Além disso, 44 mortes, número menor apenas que Maceió e Arapiraca. Nesse cenário, a população foca a atenção na pandemia, enquanto a composição do próximo pleito é construída aos poucos.

O principal nome da oposição por enquanto é Pedro Victor, que foi vereador pela cidade e candidato a prefeito em 2016. Dentre os possíveis concorrentes de Gilberto Gonçalves, Pedro Victor é o mais experiente. Ele admite em suas redes sociais ser pré-candidato.

Considerados nomes fortes em Rio Largo, Dr. Lourenço, Sâmea Mascarenhas e Thales Diniz devem optar por candidaturas próprias. Sâmea, por exemplo, afirma na descrição do perfil que mantém em uma rede social de imagens que é pré-candidata, assim como Pedro Victor.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados